Header Ads

Meu Namorado Terminou Comigo: e Agora?


“Meu namorado terminou comigo. O que faço e como faço para lidar com isso?”



Se seu namorado acabou de terminar com você, quero que saiba que entendo a complexidade das emoções que você sente no momento.

Entendo sua dor e esse desejo incontrolável de jogar na cara dele tudo o que está pensando e sentindo.

Entendo que você deseja gritar e chorar até que seus olhos fiquem vermelhos.

Eu entendo como você se sente porque eu estive lá, e é por isso que estou lhe enviando meu abraço virtual (eu sei que quando eu estava me sentindo assim, mesmo um abraço virtual significou o mundo para mim).

Tudo o que você pode fazer é lembrar todos os momentos felizes e menos felizes que vocês tiveram juntos - seu primeiro beijo, primeiro toque, primeiro amor, sua primeira briga e, especialmente, todas as coisas que aconteceram no final do relacionamento .

Quando você passa por um rompimento (especialmente após um relacionamento longo), tudo o que você pode fazer é pressionar o botão de rebobinar e começar a procurar todas os possíveis sinais vermelhos (que de alguma forma você perdeu durante o relacionamento) e deixar esse sentimento de confusão inundar todos os poros.

E como não fazer isso? Afinal, em um ponto, ele significou o mundo para você, e agora, de repente, este mundo se tornou apenas uma memória distante.

Você ainda o ama e o odeia ao mesmo tempo, e não pode decidir qual dos dois sentimentos deve dar permissão para prevalecer.

Em um momento, você sente que a situação é totalmente desesperadora e que o mundo acabou diante de seus próprios olhos, e no outro momento, você sente que ainda há algo no ar, algo não dito, algo verdadeiro que precisa ser trazido de volta à vida.

Você sente que ainda há uma maneira de fazer as coisas darem certo e, embriagado por esse sentimento, decide inconscientemente que tentará consertar as coisas, contatando-o para lhe dizer que ele está cometendo um grande erro e que vocês estão destinados estarem juntos.

Mas, então, quando você pensa em todos os cenários e resultados possíveis depois de dizer isso, imediatamente congela e desiste do próprio pensamento de fazê-lo.

Enviar uma mensagem para ele está fora de questão. Persegui-lo nas redes sociais apenas prolongará seu desgosto. Reclamar com seus amigos íntimos ou seus amigos em comum fará com que você pareça infeliz.

Você percebe que não tem escolha, não tem alternativas e não sabe como lidar com tudo isso.

E foi assim que você chegou aqui. Ao digitar "Meu namorado terminou comigo" no Google, você inconscientemente decidiu procurar ajuda, que é o primeiro passo para lidar com essa situação como uma pessoa madura!

E quero que você saiba o quanto estou feliz por ter feito isso (porque, enquanto escrevo isso, minha determinação e pura vontade de ajudá-la e tornar seu coração o mais indolor possível, são realmente fortes dentro de mim).

Então, o que você deve fazer agora?


A primeira coisa que você deve fazer é aceitar o fato de que ele terminou com você em vez de vê-lo como algo totalmente destrutivo.

Eu sei que isso pode parecer estranho para você, mas quanto mais cedo você aceitar, mais cedo começará a ver as coisas com mais clareza.

E entender as coisas significa saber como lidar com elas em primeiro lugar.

Deixe tempo suficiente para acalmar suas emoções e ajudá-la a aceitar a situação (pelo menos com metade do seu coração partido).



Depois disso, você pode pensar em duas soluções possíveis: seguir em frente ou tentar reconquista-lo.

Dei a você essas duas soluções possíveis por um motivo, porque a situação de separação de todos nunca é a mesma.

Alguns rompimentos acontecem porque duas pessoas simplesmente não foram feitas para ficarem juntas. Algumas separações ensinam uma lição valiosa, para que você possa corrigir as coisas novamente. Mas uma coisa é certa:

A decisão dele de terminar com você não aconteceu da noite para o dia!


Eu seria má e irracional se dissesse que ele é o único culpado. Em todos os relacionamentos, os dois parceiros têm igual responsabilidade pelo fim, independentemente de quem propôs seguir caminhos separados primeiro.

Há algumas coisas que você disse e fez quando não deveria, e algumas que ele disse e fez quando não deveria. (E tudo bem, a menos que se trate de traição).

Essas coisas são grandes ou pequenas, ou totalmente irrelevantes no momento.

Mas, no final, são essas coisas que influenciaram o crescimento ou a estagnação do seu relacionamento. São todas essas pequenas e grandes coisas que a levaram a esse desgosto.

Então, a decisão dele de terminar com você não aconteceu da noite para o dia, mas estava lá, pairando sobre suas cabeças há muito tempo, e você teve dificuldade em reconhecer e aceitar.

Você não prestou muita atenção a todas aqueles sinais vermelhos que estavam bem diante do seu nariz, a todas aquelas situações que estavam destruindo seu relacionamento pouco a pouco.

Você queria acreditar que isso passaria ou decidiu continuar vivendo com ela, acreditando que não é grande coisa. E então, quando aconteceu, você ficou chocada.

Mesmo sabendo que isso acabaria por acontecer, você ainda ficou chocada porque simplesmente não esperava. (E quem iria?)

Mesmo que ele tivesse lhe dito com antecedência que poderia terminar com você algum dia por algum motivo, você não teria acreditado e definitivamente não estaria preparada para isso.

Quando a pessoa por quem você ainda ama diz que acabou, não há nada que você possa fazer além de se trancar em seu refúgio imaginário e observar a partir daí, a uma distância segura do mundo real.

Mas, é exatamente isso que você não deve fazer! Está na hora de lidar com as coisas como a garota adulta que você é, e eu vou ajudá-la com tudo o que você precisa!

Portanto, a primeira parte ou a primeira coisa que faremos é analisar alguns dos motivos possíveis e mais comuns pelos quais ele terminou com você, para que você tenha uma visão clara de tudo.

É importante que você primeiro entenda por que ele terminou com você e, em seguida, passaremos para a segunda parte, onde veremos que a ajudará a seguir em frente ou reconquista-lo, se ele for o cara certo para você!

Com esforço mútuo, tiraremos o melhor proveito da situação, e tudo o que quero de você é que respire fundo e me prometa que lerá tudo até o fim. OK?

Ok, vamos começar!

Parte um: 9 razões possíveis dele ter terminado com você


Quando estamos enfrentando um coração partido, é difícil se concentrar em todas as possíveis razões pelas quais o nosso parceiro terminou conosco, em primeiro lugar.

Todas essas emoções drenantes pelas quais você está passando estão bloqueando seu pensamento claro e atrapalhando a visão da situação em que você está.



E por esse motivo, aqui está a lista dos possíveis e mais comuns motivos pelos quais ele terminou com você, o que a ajudará a entender melhor as coisas e a se concentrar na raiz do seu problema, para que você possa se curar mais cedo e agir de acordo:

1. Seus "sentimentos" mudaram

Se alguém tivesse me dado um centavo por cada vez que ouvi aquela frase famosa: "Você é você e eu sou eu" , eu estaria mais rica que Bill Gates agora.

Brincadeiras à parte, mas é exatamente isso que acontece na maioria dos casos em que os sentimentos de um parceiro mudam repentinamente.

A principal questão é, por que os sentimentos mudam ao longo de um período de tempo? O que o leva a perder a centelha e o poder iniciais do início do relacionamento?

E a razão número um por que isso acontece é a acomodação, ao sentir-se muito à vontade com o outro, o que resulta em você parar de fazer algum esforço como antes.

Lembra quando vocês se conheceram e que você passava muito tempo diante de um espelho tentando encontrar a combinação perfeita para impressiona-lo?

E ele provavelmente estava fazendo o mesmo na casa dele antes de encontra-la. Vocês estavam tão ansiosos para impressionar um ao outro e queriam que tudo fosse o mais perfeito possível.

E então, depois de algum tempo em um relacionamento, vocês alcançaram um ponto de total descontração e simplesmente param de tentar impressionar um ao outro.

Quando você chega nesse ponto, seus sentimentos começam a mudar porque você sente que não está mais com a mesma pessoa. Você se sente como se estivesse com alguém que conheceu por toda a sua vida.

Você se cansa de repetir os mesmos afazeres, como assistir ao mesmo programa de TV e comer no mesmo restaurante. Vocês ficaram presos em um barranco, mesmo sem estar ciente disso.

Então, se ele lhe disse essa frase famosa: “Você é você e eu sou eu”, então você sabe que é exatamente isso que está acontecendo.

A única questão é se vocês dois ainda estão dispostos a trazer a centelha antiga de volta ao seu relacionamento e tentar novamente.

2. Vocês não são(mais) compatíveis.

Nós temos um problema. 

Como seres humanos imediatistas, queremos tudo e queremos agora e, quando gostamos de alguém, nossa afeição por ele pode ir ao ponto de apressar as coisas e pular rápido demais as etapas de um relacionamento.

Quando amamos alguém, o vemos como um ser humano perfeito.

Você esquece instantaneamente todos os relacionamentos passados, e tudo o que quer é entrar em um novo e estar com a pessoa pela qual é tão louca.

Só porque gosta muito dele, está convencida de que são compatíveis e que ele é o único para você. Ou então acaba entrando em um relacionamento pelas razões erradas.



Talvez a ex-namorada dele o tenha deixado alguns meses atrás e o que ele teve com você foi apenas um relacionamento substituto.

No fundo de seu coração, ele sabia que o fim chegaria, mas ele não sabia exatamente quando.

Quando você entra em um relacionamento muito rápido ou pelo motivo errado, seu fim é simplesmente inevitável.

Mas isso não significa que o relacionamento esteja totalmente condenado. Se houver amor e se ainda houver esforço, as coisas ainda poderão mudar.

Lembre-se: Onde há vontade, há um caminho! Tudo é possível se você estiver determinada e se quiser com seu coração e não apenas sua mente.

3. Eventos estressantes fora do relacionamento

Todo problema em um relacionamento pertence a uma categoria chamada 'conflitos internos' ou a uma chamada 'conflitos externos'.

Conflitos internos são sobre coisas que acontecem em seu relacionamento, sobre as quais vocês mais discutem e coisas que destroem sutilmente o equilíbrio de um relacionamento.

Mas, se houvesse algum conflito interno, vocês, definitivamente, estariam ciente dele.

Conflitos externos são eventos estressantes fora do relacionamento, e muitas pessoas esquecem ou não estão familiarizadas com o fato de que esses eventos estressantes também podem impactar bastante o seu relacionamento.

Por exemplo, se o seu ex sempre trabalhou demais sem pedir alguns dias de folga (mesmo quando está doente), se acabou de começar num novo emprego que não gosta tanto, se o relacionamento anterior está constantemente assombrando-o (leia-se: se a ex-namorada dele está atrás dele), se ele tiver problemas em sua família, com seu animal de estimação, com seus amigos e similares, ele trará toda essa negatividade e estresse para o seu relacionamento também.

Como resultado, ele não estará interessado em passar uma noite romântica com você ou fazer qualquer coisa com você.

Você percebe a falta de toque, beijos e todas as coisas que vocês costumavam fazer antes.

Ele não mais te mostra carinho, porque está muito ocupado com outras coisas que acontecem em sua vida e em sua cabeça.

E, como resultado, você começa a sentir que não é boa o suficiente, como se ele não estivesse dando a você atenção suficiente e evitando você de propósito.

Seu relacionamento se torna sem vida e sem alma, e é quando ele decide terminar com você e lhe dizer que as coisas não estão mais funcionando entre vocês dois.

(Além disso, essa situação também pode ser com você, ao invés dele.)

4. Um acúmulo de palavras não ditas e desacordos

Se você esteve em constante desacordo com seu ex-namorado antes que ele terminasse com você e, especialmente, se você acabaram com uma briga, então sabe que há muita coisa séria não dita e acumulada, além de todas as coisas que estavam incomodando vocês dois no nível subconsciente.

Todo relacionamento é único, mas você sabe o que todo relacionamento tem em comum? Conflitos. Em todo relacionamento, há momentos em que vocês querem gritar, brigar e literalmente se matarem por algum motivo.

E há momentos em que tudo estará em perfeita ordem.

E toda vez que você pensa em dizer algo ou discutir algo com seu parceiro ou vice-versa e decide não fazê-lo, cria uma lacuna cada vez maior entre você.



Todas as palavras não ditas começam a se acumular e, eventualmente, precisam explodir de alguma maneira.

O mesmo vale para discordâncias. É perfeitamente normal que duas pessoas não concordem com tudo, mas isso não significa que vocês não possam se comprometer.

Se vocês dois estão determinados a apenas empurrar com a barriga em vez de ouvir o outro lado e tentar encontrar algumas coisas em comum, com as quais realmente concordam, seu relacionamento fica cheio de toxicidade, devido a questões não resolvidas. E o relacionamento termina antes mesmo que ele decidisse terminar.

5. Ele ficou assustado porque o relacionamento está indo rápido demais

Quando um homem termina um relacionamento antes mesmo de começar oficialmente, as mulheres costumam pensar que é porque têm medo de compromisso.

Em 99,9% dos casos, quando um cara decide terminar as coisas cedo, é porque ficou com medo do fato de que o relacionamento estava indo rápido demais.

Talvez ele ficou com medo de sua decisão para dormir com ele no primeiro encontro, de você querer apresentá-lo à sua família e melhores amigos do dia seguinte, exigindo que ele continuasse enviando mensagens de texto, mesmo quando ele estava ocupado, ou negligenciando a sua própria vida apenas para sair com ele.

Talvez ele tenha sentido a pressão do seu lado, porque você continuou forçando para recebê-lo em sua vida pela, em vez de seguir o caminho natural.

E, por causa disso, talvez ele tenha percebido que essa nova vida com você não é algo que ele realmente queira ou goste, e assim ele decidiu substituir o título de você ser uma nova namorada por uma de ser a ex-namorada.

Pense na primeira vez que você conheceu e como as coisas se desenvolveram a partir desse ponto. Pense na última vez que você falou com ele.

Ele já lhe deu uma pista de que ele sentia que o relacionamento estava indo rápido demais? Se sim, então você sabe que isso é exatamente o que estava acontecendo esse tempo todo.

6. Traição

Não há desculpa para traição. Se você traiu seu ex-namorado, então já sabe o motivo pelo qual ele terminou com você.

Mas há também a possibilidade dele te trair, mas não ter lhe contado. E sua consciência culpada o assombrou por tanto tempo que ele precisava fazer algo sobre isso.

Ele não podia viver com o fato de estar com outra mulher, de ter mentido para você pelas suas costas, e talvez seja por isso que foi ele quem iniciou uma separação.

Agora, como você vai saber que ele te traiu ?



Os sinais mais comuns da infidelidade de um parceiro são desculpas como "Querida, eu não fiz isso na noite passada, na semana passada ou no mês passado porque precisava ficar mais tempo no trabalho"; gastando tempo com aplicativos de namoro (secretamente); ou estar em um relacionamento de longa distância (isso aconteceu com minha amiga e seu noivo, que traiu no primeiro ano de relacionamento). [Leia: 13 sinais de que ele está te traindo]

Caso ele realmente te traiu, não há necessidade de tentar recuperar seu ex ou dar a ele uma segunda chance.

A decisão certa seria fazer o seguinte: a regra do "sem contato", bloqueando-o no Whatsapp e em outras redes sociais e deixando-o para sempre, independentemente de você estar em um relacionamento de 2 anos ou 10 anos. [Leia: Meu namorado me traiu: 10 coisas que você precisa fazer imediatamente.]

7. Tornando-o sua única prioridade

Quando você está profundamente apaixonado por uma pessoa, é tão fácil começar a se concentrar apenas nela e começar a priorizá-la a ponto de negligenciar todos ao seu redor, seus hobbies e coisas que você gostava antes. Mas, os relacionamentos não podem funcionar dessa maneira.

Quando isso acontece, há um enorme desequilíbrio em um relacionamento em que um parceiro está constantemente se esforçando para fazer tudo pelo outro.

E o outro, como resultado, começa a se sentir preso, e logo ele decide quebrar o padrão sugerindo uma separação.

Se, na maioria das vezes, você se concentrou apenas nas necessidades dele, nos problemas dele e em tudo o que estava acontecendo na vida dele ao negligenciar completamente os seus, então você sabe que fez dele sua única prioridade, o que não era saudável, nem para você nem para a relação.

A longo prazo, isso pode prejudicar seriamente sua autoestima, a ponto de você perder sua própria identidade.

Portanto, se você suspeitar que esse foi o caso, é importante que você primeiro trabalhe para se encontrar novamente e, se ainda assim quiser, sugira que tente ficar juntos novamente.

A verdade é que, para amar outro ser humano, você precisa primeiro aprender a se amar. [Leia: 6 razões para amar a si mesmo antes de amar alguém.]

Você precisa manter suas conexões fora do seu relacionamento romântico e continuar gostando das coisas que costumava fazer, porque é quem você realmente é e é por isso que ele se apaixonou.

8. Ele acha que há algo melhor fora do relacionamento

Isso também é conhecido como "a grama do vizinho é mais verde". É quando você pensa que sempre há algo melhor do que você já tem. É quando você pensa que seria mais feliz com outra pessoa do que com a pessoa com quem está no momento.

E talvez seja isso que seu ex pensou também. Talvez a razão pela qual ele terminou com você seja porque ele constantemente pensava que havia algo melhor fora do seu relacionamento.



Isso acontece muito e, na maioria dos casos, acontece com homens que não são tão experientes. Eles têm essa ansiedade constante de que estão perdendo algo por aí.

Mas, isso não é uma desculpa válida, com certeza. Não há como domesticar um homem ou estar com um homem que está constantemente procurando algo melhor, maior.

Você não quer se transformar em uma mulher excessivamente controladora, cuja principal prioridade é perseguir o namorado.

Você desejará bloqueá-lo em todas as redes sociais, continuar vivendo sua melhor vida e deixá-lo sem rumo, a continuar procurando por "perfeição".

E posso garantir que ele nunca encontrará o que está procurando, porque ele próprio não tem ideia do que realmente quer.

Mesmo se ele estivesse em um relacionamento com uma modelo da Victoria Secrets, ele ainda pensaria que há algo melhor.

É um problema sério e leva muito tempo para lidar com essa síndrome. É preciso muita prática e tempo para aprender a apreciar o que ele já tem.

9. Relacionamento a longa distância

Ou talvez a razão pela qual seu namorado tenha terminado com você seja porque vocês estão em um relacionamento de longa distância por algum tempo.

Isso significa mais mensagens de texto e menos comunicação de qualidade pessoalmente, mais tempo gasto nas mídias sociais, que é o principal culpado de todas as possíveis explosões de ciúmes e tudo isso significa o enfraquecimento de suas conexões físicas e emocionais.

Pela minha experiência pessoal e pela experiência de pessoas próximas a mim, posso ter certeza de que muitas pessoas não conseguem superar os desafios do relacionamento à distância.

Principalmente, porque acaba por se ter um desejo de ter um relacionamento normal com alguém que você possa ver com mais frequência e com quem possa se sentir ao seu lado. [Leia: Como ter um relacionamento à distância e não enlouquecer.]

É por isso que, na maioria das vezes, um relacionamento de longa distância resulta em infidelidade.

E isso não tem nada a ver com a força do seu amor. É principalmente uma questão de seu caráter e personalidade.



Por exemplo, se você é extrovertida, naturalmente estará inclinada a sair com mais frequência e a procurar outras conexões que possam resultar no esquecimento completo do que você já tem e no foco no que pode ter no local em que você está no momento.

Mas não há necessidade de se preocupar, porque isso não precisa ser verdade no seu caso.

Talvez seu relacionamento de longa distância tenha expirado naturalmente, e a única coisa que vocês podem fazer é seguir caminhos separados.

Talvez seu namorado não aguentasse mais, e ele decidiu que separar é a melhor decisão para vocês dois.

CONTINUA NA PARTE DOIS

Se você gostou do texto e quiser ser um patrocinador para que esse espaço fique cada vez melhor,  contribua mensalmente com qualquer valor para a manutenção do meu trabalho, através do: 


Ou você pode ajudar doando qualquer valor via depósito bancário:

Luciana Oliveira da Costa
Caixa Econômica Federal
Agência: 4162 
op 013
Conta Poupança: 00027217-0

Muito obrigada e aproveite mais dicas navegando pelo blog!

Nenhum comentário

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.

Tecnologia do Blogger.