Header Ads

8 Maneiras em que o Facebook está Destruindo seu Relacionamento e 7 Maneiras de Impedir


As pessoas têm uma relação de amor e ódio com o Facebook. E muitos relacionamentos na vida real estão sendo arruinados por causa do Facebook - não deixe o seu ser o próximo.



Vemos de tudo no Facebook: desde flertar, namorar, brigar até rompimentos. Todos nós já tivemos pelo menos um amigo que apresenta seus relacionamentos no Facebook como se fosse um reality show - e, na verdade, esse amigo se separou por causa do - você adivinhou - Facebook. Veja como as mídias sociais podem arruinar relacionamentos e o que você pode fazer para evitá-las.

Como o Facebook destrói relacionamentos


1. Excesso de Exposição.

Compartilhar muitas informações sobre você pode ser prejudicial à sua segurança e privacidade, além de incomodar as pessoas que veem seus feeds de notícias e você está lá o tempo todo. Esse comportamento é ainda mais problemático quando você está em um relacionamento. Exibições públicas online de relacionamento  são aceitáveis, mas somente até certo ponto.

Seu parceiro pode querer manter seu relacionamento - e brigas - privadas e estabelecer limites sobre o quanto as pessoas podem espionar seu relacionamento. Parte da beleza do seu relacionamento é que é só você e seu parceiro, por isso é melhor manter segredo. 

2. Revelando demais.

Você pode revelar muito em seu relacionamento, mesmo sem palavras. Revelar demais pode ser a forma de postar fotos sensuais e sugestivas de como é bom fazer sexo com seu parceiro. Isso pode despertar inveja e insegurança do seu parceiro, especialmente se você tiver amigos do sexo oposto - ou até estranhos, se suas fotos forem públicas - curtirem e comentarem suas fotos.

Colocar o seu corpo lá de uma forma sugestiva, quando deve ser mantido em sigilo e apenas para os olhos do seu parceiro, pode desencadear sentimentos negativos de seu parceiro e terminar em uma discussão entre os dois.

3. Amizade com ex.

Bate-papo e mensagens, bem como responder timidamente a comentários do seu ex podem deixar seu parceiro desconfortável, desconfiado e com ciúmes. Comunicando-se com um ex, de qualquer forma, pode ser um assunto muito delicado para o seu atual, e conversar com seu ex nas mídias sociais, na frente de todos, tem o potencial de humilhar seu relacionamento atual. 

4. Virando para fora.

Seu parceiro publica algo aleatório e aparentemente inofensivo, mas você pensa demais nisso. Cada vez que posta algo nas mídias sociais, seja da comida dele (Com quem você jantou?), uma selfie (Onde você estava naquela foto?), uma citação (Sobre quem é isso? É sobre mim? ), Ou qualquer outra coisa, você sempre vai pensar que é sobre você ou seu relacionamento. Você se achará desnecessariamente pisando em ovos ou inquieto por causa dos fantasmas que criou. Afaste-se, relaxe e deixe-o(a) em paz.

5. Postagens indiretas.

Postar no Facebook em vez de falar diretamente com seu parceiro pode piorar as coisas, em vez de melhorar. Postar status e citações vagas no Facebook, e esperar que seu parceiro esquecido e distraído perceba e mude, na verdade não vai funcionar.

A comunicação aberta é fundamental em qualquer relacionamento, por isso, se você tiver um problema com seu parceiro, fale com ele diretamente, em vez de postar sobre ele nas redes sociais. Além disso, suas mesquinhas mensagens subliminares não farão nada além de irritar seus amigos. 

6. Tempo no Facebook, ao invés de tempo de qualidade.

Sabe quando você está na cama e, em vez de falar sobre como foi seu dia e atualizar um ao outro, vocês estão vidrados em seus telefones? Ou, em vez de desfrutar de um bom encontro juntos, o seu parceiro está ocupado tirando uma foto da sua refeição e fazendo selfies entre as mordidas?

O tempo excessivo com o Facebook tira a diversão e a espontaneidade do momento, especialmente se você não puder curtir suas férias com seu parceiro, porque prefere tirar selfies e fotos em vez de aproveitar seu tempo juntos. Passar muito tempo se preocupando com o que você vai postar drena a intimidade de seu relacionamento e do tempo que você deve gastar juntos.

7. Julgando pelo Facebook.

O Facebook também pode arruinar suas chances de um novo relacionamento. Em vez do estágio usual de conhecer pessoalmente, você já sabe muito sobre a pessoa. Deixa de ser um encontro totalmente às cegas, porque assim que você sabe o nome da pessoa, pesquisa no Facebook e descobre tudo o que há para saber. Você imediatamente julga a pessoa com base no que vê, mesmo sem saber realmente o que é. O mesmo pode acontecer com você, já que a pessoa com quem você está namorando já pode ter julgado você através do Facebook, antes que ele realmente te visse.



8. Status do Facebook. 

Para algumas pessoas, os relacionamentos não são ficam sérios, a menos que sejam “oficiais no Facebook”. Existem inúmeras brigas sobre os status do Facebook, quando uma das partes muda seu status para "em um relacionamento com" e o outro permanece “solteiro”. Na era da mídia social, sempre há pressão para permitir que outras pessoas leiam: o mundo sabe qual é seu status ou o que você está fazendo.

Se não está no Facebook, não existe, e isso pode ser dito sobre o seu relacionamento também. Não importa o quão incrível e feliz seja o relacionamento, você não ficará satisfeito a menos que esteja documentado no Facebook, o que pode causar ansiedade ao seu parceiro e, em última análise, fazer você parecer superficial e inseguro(a). 

Como impedir o Facebook de arruinar relacionamentos


1. Há mais em seu relacionamento do que seu status no Facebook.

Em vez de se estressar sobre o que postar nas mídias sociais, tente olhar para o seu relacionamento e seu parceiro. Descubra o que torna seu relacionamento melhor e produtivo. Não tem que ser os lugares onde você vai ou a comida que você come e publica nas redes sociais. É mais sobre como você se trata, mesmo sem que outras pessoas saibam sobre isso.

2. Seja transparente.

Isso mostra que você não tem nada a esconder do outro, promovendo assim mais confiança. No entanto, apesar de não haver problema em compartilhar senhas como uma maneira de garantir ao seu parceiro que você não está fazendo algo errado no Facebook ou em qualquer outra plataforma de mídia social, ainda é melhor conhecer seus limites. Compartilhar senhas um com o outro é um gesto legal, mas você não precisa se sentir no dever de se aproveitar disso - ou pior, vasculhar as contas de mídia social do seu parceiro, mensagens e amigos.

3. Não seja amigo de ex.

Os exs devem ser deixados no passado, pois ainda ter contato raramente é visto como boas intenções. Se você precisar, adicione seu ex à lista de seus amigos - mas somente se seu parceiro concordar com isso. Pense em como você se sentiria se fosse ao contrário, e fosse o seu parceiro que estivesse se comunicando com o ex. Você ia gostar?

4. Não lave a roupa suja em público.

O que é pior do que postar incessantemente sobre demonstrações de afeto no Facebook? Postar sobre seus problemas e brigas com seu parceiro. Na verdade, ninguém quer ou precisa saber sobre isso. Você não precisa dizer ao mundo inteiro os detalhes de como seu parceiro traiu você também. Pode ferir os sentimentos do seu parceiro, bem como baratear o seu relacionamento.

5. Defina regras.

Para evitar que seu parceiro se debruce sobre o feed de notícias do Facebook enquanto está com você, defina as regras sobre quanto tempo vocês passam no Facebook, especialmente quando estiverem juntos. Você pode sentar quanto conversar sobre isso, de modo que esteja mostrando que também respeita suas sensibilidades e preferências. Discuta as regras nas mídias sociais para evitar futuros desentendimentos.

6. Comunicação é melhor offline.

Em vez de fazer do Facebook sua saída para todas as suas frustrações, tenha uma melhor comunicação com seu parceiro. Afinal de contas, seu parceiro que o conhece bem e, se forem juntos a fonte do problema, poderão resolver melhor. Enquanto posta coisas boas no Facebook, qualquer problema que você tenha com seu parceiro deve ser resolvido offline. 

7. Não dê espaço para interpretações erradas.

Palavras, especialmente em mensagens instantâneas, podem estar abertas a diferentes interpretações. Isso também é verdade quando você publica algo que seu parceiro acha que pode ser um problema para ele/ela ou para o relacionamento. Pense antes de postar e verifique se você está sendo claro e articulado. Não dê ao seu parceiro qualquer espaço para interpretar mal ou ser prejudicado por seus posts, e evite postagens que possam causar problemas, confusão, constrangimento, inveja ou mesmo fofoca.



Como qualquer tipo de tecnologia, o perigo ou benefício não está em si mesmo, mas em como as pessoas usam - ou abusam dele. Quando se trata de seu relacionamento, não é realmente culpa do Facebook. Você é responsável por como você usa as mídias sociais e como você afeta o seu relacionamento.


Se você gostou do texto e quiser ser um patrocinador para que esse espaço fique cada vez melhor,  contribua mensalmente com qualquer valor para a manutenção do meu trabalho, através do: 


Ou você pode ajudar doando qualquer valor via depósito bancário:

Luciana Oliveira da Costa
Caixa Econômica Federal
Agência: 4162 
op 013
Conta Poupança: 00027217-0

Muito obrigada e aproveite mais dicas navegando pelo blog!

Autora:
Luciana Costa Luciana Costa é blogueira, escritora e coach. Autodidata aplicada, apaixonada por psicologia, filosofia e gatos. Carioca e flamenguista.

Nenhum comentário

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.

Tecnologia do Blogger.