5 Sinais de que um Político Está Mentindo

"Como você pode saber quando um político está mentindo? Quando seus lábios se movem."

Esse é um ditado velho, mas a verdade é que, se avaliarmos um candidato ou um ente querido que achamos que está mentindo, a maior parte de nós serão muito ruins na detecção da fraude.

No caso dos políticos, pode ser especialmente complicado para perceber, uma vez que a maioria deles tem muita prática. Em meio a doutores, escritores de discurso, consultores de mídia, gestores públicos e bajuladores de seus próprios egos monumentais, os políticos são treinados em, durante o discurso, focar na mensagem e transpirar confiança, sinceridade e convicção. E o mais importante, eles desenvolvem um senso do que nós, os cidadãos, querem ouvir: nós nos aproximamos das mensagens positivas e recuamos ao ouvirmos verdades dolorosas. E, porque muitos de nós são, lamentavelmente, ignorantes sobre os detalhes dos problemas políticos, acabamos como ovelhas, facilmente manipulados.

A melhor defesa contra uma mentira é o conhecimento. Se o seu namorado insiste que estava assistindo o jogo de domingo com seus amigos, mas você teve um vislumbre dele no saguão do hotel onde você estava tomando café da manhã, bem, lá vai você, tanto metaforicamente e, provavelmente, literalmente, acabar com ele. Mas, além de conhecimento em primeira mão (ou outra evidência confiável), existem pistas verbais e não verbais que podem desmascarar um mentiroso? Nos debates entre candidatos, quer seja presidenciáveis ou outros cargos no Congresso, vemos amadores sendo capazes de empregar seu próprio detector de mentiras pessoal, o que pode ser muito útil. Afinal, não podemos contar sempre com a ajuda desses "experts" invejáveis​​ que observam todos os detalhes que revelam exatamente o que um político está pensando - e tentando esconder.

Mentir é mais difícil do que dizer a verdade. Mentir é estressante. Para ser um mentiroso eficaz requer que se ensaie e memorize detalhes, em vez de confiar na memória. Por causa da ansiedade associada com a mentira e o sentido de percepção da importância da mentira, o mentiroso, muitas vezes, se distancia de si mesmo. Isto é especialmente verdadeiro para os políticos, pois suas vidas são exaustivamente ocupadas e mentiras requerem energia e atenção constante.

Os especialistas tendem a concordar que nenhum dos indicadores padrões de mentira é prova definitiva de que alguém - ou um político - está mentindo. Algumas pessoas são simplesmente muito boas em mentir. Muitos sinais, como os tiques faciais fugazes conhecidos como "micro-expressões," são extremamente difíceis para um leigo distinguir. Ao aplicar as seguintes pistas para descobrir mentiras e mentirosos, lembre-se, com prudência, afim de temperar a arrogância com modéstia: entenda que você pode observar errado. Mas o uso cuidadoso dessas pistas podem ajudá-lo a acertar.


1. Observe o contato visual.

É um mito que os mentirosos não farão ou não podem fazer contato visual. No entanto, procure o contato
visual não natural: ou a pessoa é incapaz de manter contato ou ele(a) fixa você (ou a câmera) com um olhar tenso e agressivo.

2. Observe a linguagem corporal.

Preste atenção aos indicadores como braços ou pernas cruzadas(sinal de defesa), curvar ou inclinar a cabeça pra longe: isso pode indicar o desconforto que acompanha a mentira.

3. Siga os olhos.

Muitos pesquisadores postulam que quando olhamos para cima e para a direita (a direita deles, não a sua) isto sugere que a parte do cérebro ligada à imaginação está sendo acionada. Por outro lado, ao olhar para baixo e para a esquerda pode indicar a parte do cérebro ligada à memória.

4. Olhe para as mãos.

Muitas vezes, as mãos dos mentirosos falarão com a eloquência do engano. Cuidado com os punhos cerrados, cobrindo a boca ou parte do rosto, esfregar de olhos, passar a mão sobre ou atrás da orelha.

5. Preste atenção aos detalhes.

A pessoa que oferece muitos detalhes, especialmente sem ser obrigada a isso, pode estar mentindo. Porque a narrativa da mentira é fabricada, o mentiroso muitas vezes pode ser desarmado por inconsistências na história, especialmente se as mesmas perguntas são repetidas depois de passar algum tempo.

Lábios de políticos sempre se movem e não é sempre mentiras que emanam. Para se tornar verdadeiramente um detector de mentiras, você precisa armar-se com informações e intuição. Mas, se você notar esses sinais no discurso de algum político, você estará diante de um mentiroso.

[Veja também: Aprendendo a Interpretar Expressões Corporais e Faciais]
Compartilhe no Google Plus

Sobre Luciana Costa

Blogueira e escritora independente. Sou amante da literatura e das artes. Também amo minha liberdade, minha família, meus amigos. Gosto de aprender e gosto de ensinar.

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.