Que Tipo de Personalidade Você Tem? - Indicador do Tipo Myers-Briggs (MBTI)

Conceito e História

O Indicador do Tipo Myers-Briggs (MBTI) é um questionário psicométrico concebido para medir as preferências psicológicas na forma como as pessoas percebem o mundo e tomam decisões.

Essas preferências foram estudadas a partir das teorias tipológicas propostas por Carl Gustav Jung e publicadas pela primeira vez em seu livro em 1921 Tipos Psicológicos (edição em Inglês de 1923). Jung teorizou que existem quatro principais funções psicológicas pelo qual nós experimentamos o mundo:. Sensação, intuição, sentimento e pensamento. Uma dessas quatro funções é dominante na maioria das vezes.

As desenvolvedoras do indicador de personalidade MBTI foram Katharine Cook Briggs e sua filha Isabel Briggs Myers. Elas, tendo estudado extensivamente a obra de Jung, voltaram seus interesses no comportamento humano, com o objetivo de transformar a teoria dos tipos psicológicos para o uso prático. Elas começaram a criar o indicador durante a Segunda Guerra Mundial, acreditando que o conhecimento das preferências de personalidade ajudariam as mulheres que entravam no mercado de trabalho industrial pela primeira vez, identificando o tipo de trabalho em tempo de guerra que seria "mais confortável e eficaz". O questionário inicial cresceu e se tornou o Indicador de Tipo Myers-Briggs, que foi publicado pela primeira vez em 1962. O MBTI se concentra em populações normais e enfatiza o valor das diferenças que ocorrem naturalmente. 

As Quatro Dicotomias 

Dos 17 conceitos originais de Jung, Briggs e Myers desenvolveram sua própria teoria de tipo psicológico. O tipo MBTI dividiu algumas dessas diferenças psicológicas em quatro pares de opostos, ou dicotomias, resultando em 16 possíveis tipos psicológicos. Nenhum desses tipos são melhores ou piores, no entanto, Briggs e Myers teorizaram que as pessoas naturalmente preferem um tipo de combinação a outro. Da mesma forma que escrever com a mão esquerda é um trabalho difícil para um destro,. as pessoas tendem a achar que é mais difícil usar suas preferências psicológicas opostas, mesmo sabendo que elas se tornarão mais eficientes (tendo um comportamento mais flexível) com a prática e o desenvolvimento.

Os quatro pares de preferências ou "dicotomias" são apresentadas na tabela abaixo:


Os termos usados para cada dicotomia têm significados técnicos específicos relacionados ao MBTI, que diferem do seu significado cotidiano. Por exemplo, pessoas com uma preferência para julgamento em relação à percepção não são, necessariamente, mais críticos ou menos perceptivos.

Além disto, o MBTI não mede as aptidões: apenas mostra que uma preferência se sobressai a outra. Uma pessoa que informa alta pontuação para extroversão em relação à introversão não pode ser corretamente descrita como mais extrovertida: ela simplesmente tem uma preferência evidente. 

Funções (S-N e T-F) 

Sensoriais e Intuitivos 

Descrevem como a informação é entendida e interpretada.[Leia: Saiba Mais Sobre Intuição/Sensorial]
- Sensoriais (S). Confiam mais em coisas palpáveis, concretas, informações sensoriais. Gostam de detalhes e fatos. Para eles o significado está nos dados. Precisam de muitas informações. 
- Intuitivos (N). Preferem informações abstratas e teóricas, que podem ser associadas com outras informações. Gostam de interpretar os dados com base em suas crenças e experiências pessoais. Trabalham bem com informações incompletas e imperfeitas. 

Racionalistas e Sentimentais 

Descrevem como as decisões são realizadas.[Leia: Saiba Mais Sobre Pensamento/Sentimento]
- Sentimentais (F). Decidem com base em seus sentimentos (não confundir com emoções). 
- Racionalistas (T). Decidem com base na lógica e procuram argumentos racionais. 

Atitudes (E-I) 

- Extrovertidos (E). Obtém sua energia através da ação; gostam de realizar várias atividades; agem primeiro e depois pensam. Quando inativos, sua energia diminui. Em geral, são sociáveis.  
- Introvertidos (I). Obtém sua energia quando estão envolvidos com ideias; preferem refletir antes de agir e, novamente, refletir. Precisam de tempo para pensar e recuperar sua energia. Em geral, são pouco sociáveis. [Leia: Saiba Mais Sobre Introversão/Extroversão] 

Estilo de Vida (J-P) 

Myers e Briggs perceberam que as pessoas podem ter uma preferência pela função de julgamento (J) ou pela função de percepção (P). A isto chamaram o embaixador para o mundo externo. Grosseiramente um Julgador tentará controlar o mundo, enquanto um Perceptivo tentará se adaptar a ele (são aventureiros). [Leia: Saiba Mais Sobre Julgamento/Percepção]
- Julgadores (J). Gostam da rotina. Odeiam surpresas. 
- Perceptivos (P). Gostam de se arriscar e de mudanças.
Os 16 Tipos

Os 16 tipos são normalmente referidos por uma abreviatura de quatro letras, as letras iniciais de cada uma das suas preferências tipo quatro (exceto no caso da intuição, que usa a sigla N para distingui-lo de introversão). Por exemplo:

     ESTJ: extroversão (E), sensoriamento (S), o pensamento (T), julgamento (J)


     INFP: introversion (I), intuição (N), sentimento (F), a percepção (P)

Este método de abreviatura é aplicada a todos os 16 tipos.
 

Qual Seu Tipo MBTI? 

Abaixo temos a tabela com os 16 tipos psicológicos do indicador de Myers-Briggs. O Site HumanMetrics disponibiliza um teste para indentificar qual seu tipo MBTI. O site é em inglês, mas a maioria dos sites com bons testes o são. Use o google tradutor, se desejar fazer o teste grátis. Depois, basta clicar na foto correspondente da tabela abaixo para mais detalhes.

Link para o teste: HumanMetrics









Aplicação


O MBTI é frequentemente utilizado nas áreas de aconselhamento de carreira, pedagogia, dinâmicas de grupo, orientação profissional, treino de liderança, aconselhamento matrimonial e desenvolvimento pessoal, entre outros.

Você pode adquirir esse material completo em ebook clicando aqui:

http://personalidadembti.blogspot.com/

http://www.72.mktid5.com/w/1e4ervle7cGg61ZwXe6766f2-6

http://bit.ly/secaoebooks


Compartilhe no Google Plus

Sobre Luciana Costa

Blogueira e escritora independente. Sou amante da literatura e das artes. Também amo minha liberdade, minha família, meus amigos. Gosto de aprender e gosto de ensinar.

4 comentários:

  1. Super maneiro, muito obrigado por compartilhar esse informação.

    ResponderExcluir
  2. Bem legal! Funciona mesmo, obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que agradeço sua visita e comentário! Que bom que gostou, espero que seja de grande ajuda para todos os campos da sua vida!

      Excluir

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.