Textual description of firstImageUrl

A Personalidade dos Signos do Zodíaco



Obs: A intenção deste post é mostrar uma visão psicológica dos signos do zodíaco, fazendo uma descrição das características de personalidade de cada signo. Este blog não promove a crença em horóscopo e nem acredita que nossas vidas sejam regidas ou nosso futuro seja determinado por astros. Mas respeita quem acredita. 



História do Zodíaco


Acredita-se que o zodíaco (que é derivado da palavra grega que significa "círculo de animais") se desenvolveu no antigo Egito e mais tarde adotado pelos babilônios. Os primeiros astrólogos sabiam que precisava de 12 ciclos lunares (ou seja, meses) para o sol voltar à sua posição original. Eles então identificaram 12 constelações que eles observaram estavam ligadas à progressão das estações e lhes atribuíram nomes de certos animais e pessoas (na Babilônia, por exemplo, a estação das chuvas foi marcada para ocorrer quando o Sol estava em uma constelação particular que era então chamada Aquário, ou portador de água).

Os signos do zodíaco são subdivididos em quatro grupos:

Sinais de fogo: Áries, Sagitário, Leão
Sinais de água: Câncer, Escorpião, Peixes
Sinais de ar: Libra, Aquário, Gêmeos
Sinais de Terra: Capricórnio, Touro, Virgem

Cada um desses quatro grupos está inscrito em seu próprio quadrante, ou grupo de "casas", em um círculo. A divisão das 12 casas baseia-se na rotação diária da Terra e relaciona-se a circunstâncias como relações, finanças, viagens, etc. A divisão dos 12 signos do zodíaco, por outro lado, é baseada na rotação de um ano da Terra Ao redor do Sol e se relaciona com traços de caráter e áreas da vida (por exemplo, Vênus representa afeto, Mercúrio representa fala e escrita, etc.). Cada planeta está associado a dois sinais e o Sol e a Lua com um cada.

Aproximadamente em 2000 aC, os astrólogos babilônicos acreditavam que o Sol, a Lua e os cinco planetas conhecidos naquele tempo (Júpiter, Marte, Mercúrio, Saturno e Vênus) possuíam poderes distintos. Marte, por exemplo, parecia vermelho e estava associado à agressão e à guerra. 

A Psicologia e a Astrologia


Carl Gustav Jung, psiquiatra e psicoterapeuta suíço que fundou a psicologia analítica, conseguiu trazer a astrologia para o fórum da ciência através de sua pesquisa sobre o significado simbólico dos sonhos, conversas e pinturas de seus pacientes. Jung observou temas míticos ou arquétipos recorrentes. Ele propôs que esses arquétipos universais e atemporais canalizam experiências e emoções, resultando em padrões reconhecíveis e típicos de comportamento com determinados resultados prováveis . Jung afirmou observar uma correlação entre essas imagens arquetípicas e os temas astrológicos ou tradicionais "deuses" associados com os planetas e sinais do zodíaco. Ele concluiu que as figuras celestiais simbólicas descritas pelas constelações foram originalmente inspiradas por projeções de imagens criadas pelo inconsciente coletivo.



A astrologia psicológica de Jung ainda liga a psique ao cosmos, mas não é determinística. Nem a vida cotidiana de um indivíduo é governada pelas posições dos planetas.

Ele escreveu "Astrologia representa a soma de todo o conhecimento psicológico da antiguidade". Mas ele também reconheceu uma diferença sutil com a astrologia tradicional, em que ele acreditava que as afirmações astrológicas de correlações entre a posição dos corpos celestes no momento do nascimento e desenvolvimento de um indivíduo eram acausal e na verdade não diretamente causadas pelos planetas. Algo que o levou a desenvolver o seu conceito de Astrologia Psicológica que Jung comparou com a causalidade formal de Aristóteles, que afirmou que "Tudo o que é nascido ou feito neste momento particular de tempo, tem a qualidade deste momento de tempo".

Em 1949 Bertram Forer realizou um teste de personalidade sobre os alunos. Embora, aparentemente, tenha dado aos alunos resultados individualizados, ao invés disso, ele deu a cada aluno exatamente a mesma folha que examinava sua personalidade. As descrições de personalidade foram tiradas de um livro sobre Astrologia. Quando os alunos foram convidados a comentar a precisão do teste com uma classificação, mais de 40% deu-lhe a marca superior, que era 5, e a classificação média foi de 4,2. Os resultados deste estudo foram replicados em numerosos outros estudos. 

A personalidade dos signos


De acordo com a Astrologia, cada signo tem seus pontos fortes e fracos, traços específicos, desejos e atitudes diante da vida e das pessoas. Isso também pode nos dar um ideia das características básicas, preferências, falhas e medos das pessoas. O que nos leva a a realmente conhecer uma pessoa se soubermos as características básicas dos signos do zodíaco.



Se você quiser saber mais sobre seu  signo e com quais signos ele é mais compatível, basta clicar no nome correspondente abaixo. Todas as informações foram traduzidas do site Astrology Zodiac Signs, que descreve as principais características de cada signo, a visão da família, amigos, dinheiro, amor e como conquistar o homem e a mulher de cada signo.

Áries
Gêmeos
Touro

Câncer
Virgem
Leão

Libra
Sagitário
Escorpião

Capricórnio
Peixes
Aquário




Fonte 1
Fonte 2


Gostou? Receba as atualizações do Oráculo por e-mail:

Compartilhe no Google Plus


Sobre Luciana Costa

Blogueira, escritora, life coach e coach de relacionamentos. Autodidata aplicada, amo psicologia e filosofia. Gosto de aprender, gosto de ensinar, gosto de ajudar.

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.