Textual description of firstImageUrl

Como Cair Fora de um Relacionamento Quando Você não Vê Nenhum Futuro



Você está em um relacionamento que a deixa deprimida? Descubra como se desapegar quando você não vê nenhum futuro feliz juntos.



Ao longo de nossas vidas, podemos entrar e sair de relacionamentos muitas vezes.

Às vezes, é fácil e simples.

E em outros momentos, especialmente quando estamos profundamente apaixonados, pode ser uma das coisas mais difíceis de fazer.

Se você está se perguntando como se desapegar de alguém com quem você já está com um relacionamento, aqui está tudo o que você precisa saber.

[Leia: Como parar de pensar em alguém que você ainda ama ]

Os problemas de terminar um relacionamento quando você ainda está apaixonada


Você pode saber profundamente que não haverá final feliz no relacionamento em que você está.

Então, o que você faz?

Como voltar para escolher outro caminho com uma melhor esperança?



Ou você está empurrando com a barriga, porque você tem muito medo de retroceder e aceitar que está vivendo um caso de amor sem futuro?

A maioria de nós, especialmente as apegadas, que estão profundamente apaixonadas, não tem escolha, mesmo que estejamos em um relacionamento ruim. Nós não queremos deixar o relacionamento triste, mas seguro, que temos em nossas mãos. Sabemos que não há futuro, mas ainda esperamos um milagre.

O medo de abandonar o amor


É realmente difícil terminar um relacionamento ou romper com alguém que você ama por causa de cinco medos que a perseguem. Mas se você quer um futuro feliz, você deve aprender a superar esses cinco medos de abandonar o amor. [Leia: 15 razões pelas quais você ainda estar numa relação abusiva]

# 1. É doloroso. Você está profundamente apaixonada. E terminar doe muito. Seu parceiro talvez não a ame tanto quanto você o ama, e isso a assusta mais. E se você terminar o relacionamento e seu parceiro achar que tudo bem?

# 2. É difícil de se recuperar. Quando você realmente ama alguém, você definitivamente precisa de tempo e ajuda para superá-lo. Você acha mais fácil ficar em um relacionamento que machuca um pouco todos os dias em vez de acabar e arrancar seu coração de vez.

# 3. Você pode ficar com ciúmes. Eventualmente, se o seu parceiro não sente nada por você, ele pode até namorar alguém ou seguir em frente sem o menor sinal de tristeza. Você pode lidar com isso?



# 4. Você pode até se arrepender da sua decisão. Você sabe que você fez o certo, mas em algum lugar no fundo, você pode esperar que seu parceiro possa mudar e começar a amá-lo melhor.

# 5 Há uma grande chance de voltar a apaixonar-se. Não há nada pior do que um relacionamento que leva você a terminar e voltar, terminar e voltar. Evite se você puder.

Há mais coisas a temer sobre acabar com um relacionamento, especialmente se você ama muito seu parceiro. Mas há apenas uma coisa certa a fazer quando você está em um relacionamento ruim. Você precisa se desapegar.

Como se desapegar, um passo de cada vez



Se você está convencida de que está em um relacionamento ruim, você precisa se decidir e sair para sempre. Não é fácil, mas definitivamente é possível com estas 10 dicas.

# 1. Concentre-se em porque você não vê nenhum futuro. Dê-se razões válidas e seja sincera com você mesmo. Amenizar seus problemas só irá torná-la fraca.

# 2. Aceite. Você não pode persuadir o seu mau parceiro a se tornar um namorado/marido melhor, então, por que você está empurrando com a barriga e esperando um milagre, quando você já sabe o que é preciso fazer?

# 3. Não deixe seu parceiro ruim afetá-la emocionalmente. Concentre-se em passar bons momentos, não importa com quem você esteja. Você tem o direito de ser feliz em sua vida, independentemente de quem está por perto, você não acha? [Leia: 4 maneiras de se proteger da manipulação emocional]

# 4. Encare a realidade. Sim, terminar um relacionamento pode ser difícil, no início. Mas com algumas distrações, essa tarefa pode ser mais fácil do que você pensa.



# 5. Permita que sua mente pense em outros caras atraentes. Apreciar outros caras mentalmente é a maneira mais fácil e rápida de deixar sua mente saber que existem outros peixes melhores no mar.

# 6. Inspire-se em outra pessoa. Você não precisa namorá-los. Mas tenha uma admiração por parte de outra pessoa e passe a maior parte do tempo pensando nos pequenos momentos que você pode ter, compartilhado com essa nova pessoa.

# 7. Não dificulte as coisas. Pare de mendigar atenção a alguém que nunca mais amará você tanto quanto você o ama. Faça um esforço consciente para avançar, em vez de sentir-se doentiamente satisfeita com a miséria que você experimenta.

# 8. Você não pode esquecer o seu parceiro. Não tente. Em vez disso, aprenda a lidar com isso. Aprenda a aceitar o fato de que ambos não estão destinados a ficarem juntos. Tente encontrar alguém que possa substituir o lugar de seu parceiro em seu coração, se quiser superar rápido.

# 9. Aprenda a viver sem o seu parceiro. Se você ainda está em um relacionamento e quer saber como se desapegar de seu mau parceiro, então você deve primeiro aprender a viver sem ele. Saia com seus amigos ou conheça alguém que você goste durante o almoço, enquanto você ainda está em um relacionamento. Você verá, em breve, que sua vida pode ser preenchida com felicidades, mesmo que seu parceiro não esteja mais ao seu lado.



# 10. Termine o relacionamento quando você se sentir forte o suficiente para cair fora. Prepare-se e convença-se do fato de que seu mundo não gira mais em torno de seu parceiro. Você está pronta para ficar sozinha e experimentar toda a felicidade que o mundo tem para lhe oferecer. Termine o relacionamento com seu parceiro, saia e não olhe para trás. [Leia: Como terminar um relacionamento com dignidade]

[Leia: 10 tipos de amor que você experimentará em sua vida ]

Com um pouco de esforço e determinação, entender como se desapegar antes de se afastar de um relacionamento ruim pode ser realmente simples se você usar estas 10 dicas fáceis.

Gostou? Receba as atualizações do Oráculo por e-mail:

Compartilhe no Google Plus


Sobre Luciana Costa

Blogueira, escritora, life coach e coach de relacionamentos. Autodidata aplicada, amo psicologia e filosofia. Gosto de aprender, gosto de ensinar, gosto de ajudar.

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.