Ghosting - A Forma Desonesta e Cruel de Terminar um Relacionamento na Era Digital


Não se preocupe. Eu não estou falando de fantasmas reais. Estou falando sobre pessoas reais que, de repente, desaparecem quando querem terminar um relacionamento.


Ghosting(palavra que vem de ghost, fantasma, em inglês) é um termo que foi cunhado recentemente por causa do numero cada vez maior de casos. É verdade que os fantasmas sempre existiram, mas hoje, é um assunto que todo mundo está falando. Você provavelmente já experimentou isto antes mas, naquela época, não havia realmente um nome para esse comportamento. Mas, como está se tornando cada vez mais comum devido a era digital e aplicativos de encontros como o Tinder, embora seja um comportamento inconveniente, agora ganhou muita força no mundo dos relacionamentos.

O que exatamente é um Ghosting?


Ghosting é quando você, inexplicavelmente, desaparece da vida de alguém com quem você está se relacionando. Pode também pode ser um cônjuge, um amigo ou um colega. Pode acontecer com  pessoas que acabou de conhecer ou com pessoas que estão juntas há décadas. Você pode dizer que alguém está praticando ghosting quando ele está fingindo que você não existe. Isso pode se manifestar de várias formas, sendo a principal delas através da comunicação.

Você pode ser vitima de ghosting quando uma pessoa não mais responde através de qualquer meio de comunicação. Pode ser também tão grave como ignorar alguém em plena luz do dia. Tecnicamente, é um ato social, mas alguns pensam que pode ser mais profundo do que um simples ignorar de uma mensagem de texto. Algumas pessoas já disseram que a pessoa que faz ghosting fingiu que nunca as conheceram, mesmo quando elas estão a poucos metros longe um do outro.

Por que as pessoas praticam o Ghosting?


O ghosting existe porque as pessoas têm uma tendência a fugir de seus problemas. Neste caso, elas fogem de pessoas. A única razão porque uma pessoa iria escolher alguém para fingir que ela não existe mais é porque ela pensa que a ela não é deixado nenhuma outra opção.

Não existe uma única causa de por que as pessoas fazem isso, mas há pistas que podem explicar por que isso está acontecendo com mais frequência nos dias de hoje.

1. A segurança pessoal. Quando alguém se sente assediado, intimidado, ou antagonizado, ele pode sentir que o efeito ghosting é a única opção que não envolverá outras pessoas em seus problemas. [Leia: 21 sinais de Abuso Emocional]

2. A força do hábito. Pode ter feito com algumas pessoas, o que os leva a repetir esta ofensa, porque eles nunca foram responsabilizados por isso.

3. Não querem conversas embaraçosas. Uma das atividades mais torturantes para qualquer ser humano é se engajar em uma conversa estranha. Quando se trata de namoro, rompimentos ou separação, pode ser o pior tipo de conversa. É exatamente por isso que as pessoas tentam evitá-las tanto quanto possível.

4. Vingança. Mais do que alguns ghosters admitem fazê-lo, é de uma necessidade de se vingar de seus parceiros. Isso geralmente acontece quando eles se enganam ou experimentam outros tipos de traição. Pode parecer satisfazer seu ego em primeiro lugar, mas a falta de um término pode ser prejudicial para ambas as partes, no futuro.

5. Saída fácil. Ghosting é provavelmente a maneira mais fácil de escapar de qualquer tipo de relacionamento. Você não precisa fazer nada exceto bloquear essa pessoa de sua vida e fingir que nunca existiu.

6. Falha de comunicação. Um exemplo popular é quando se está aguardando que a outra pessoa chegue até você. Quando verifica-se que a outra pessoa está fazendo exatamente a mesma coisa, ou seja, te ignorando, o que você faz para terminar pessoalmente? Nada.

7. Pressupostos errados. Rumores, afeição extrema e antecipação de situações que podem não se concretizar, podem arruinar qualquer bom relacionamento. Algumas pessoas são programadas a agir antes de fazer perguntas, o que leva a situações de ghosting.

8. Conveniência. É mais fácil simplesmente excluir alguém da sua vida do que se explicar. Isto é especialmente verdadeiro quando as explicações que você tem não são tão críveis, ou seja, não podem convencer.

9. Circunstâncias imprevistas. Morte, acidentes rodoviários, roubo de celular, contrair uma doença, etc. Há muitas razões pelas quais essa pessoa inadvertidamente se torna um ghosting para você.

10. Vergonha/Insegurança. Podemos colocar doenças, como herpes, nesta lista, mas há muitas outras razões pelas quais uma pessoa se torna um ghosting e nenhuma delas tem a ver com você. Alguns têm problemas pessoais com que eles têm de lidar e com isso eles estão com muito medo de se expor, por isso, o efeito ghosting.

Como isso afeta as pessoas?


É assustador pensar que as pessoas acham que o ghosting é uma falha social aceitável. O pior cenário seria para esses transtornos é o de se transformar em doenças mentais. É por isso que o ghosting é uma questão muito séria hoje em dia. O problema agora é: as pessoas sabem isso?

Além disso, o ghosting não afeta apenas a vítima. Ele também pode afetar a pessoa que faz o efeito ghosting. Você pode pensar que saiu por cima, quando, na verdade, você só empurrou-se para o fundo do barril social.

Aqui estão alguns exemplos:

1. O próprio ato de ghosting pode causar problemas graves, como depressão, ansiedade, obsessão e outros distúrbios comportamentais.

2. Ghosting é semelhante ao abandono. Ambos têm repercussões graves que podem afetar como uma pessoa vê a si mesmo.

3. Quando você deixa alguém assim, sem nenhuma explicação, ele podem pensar o pior sobre si mesmos, especialmente se ele já é inseguro.

4. Se você é o único a fazer o efeito ghosting, o alívio que você sente quando se afasta de uma pessoa que você gosta é apenas temporária. Você não aprendeu nada, o que significa que pode acontecer de novo e de novo.

5. O fato de que você pode praticar o ghosting contra alguém desnecessariamente mostra que tipo de pessoa você é - alguém que é irresponsável, sem princípios e não confiável.

6. A pessoa que você faz o ghosting não pode processar o que aconteceu imediatamente porque não há nenhuma explicação vinda de você. Ela não vai saber o que ela fez de errado e poderia fazê-lo novamente com a próxima pessoa que se envolver com ela.

7. O ghosting afeta a sociedade como um todo. Uma vez que as pessoas ouvem que é uma maneira eficaz de se livrar de alguém, elas são mais propensas a usá-lo por conveniência, sem considerar as consequências.

8. Não se sentir bem por fazer alguém se sentir mal. Você pode ter escapado de um relacionamento que não queria, mas você sempre será assombrado pelo fato de que você foi um canalha.


Quando está tudo bem para quem pratica o ghosting?


É certamente aceitável quando é a única opção que pode proporcionar uma sensação de segurança e proteção. É geralmente no contexto de estar envolvido com perseguidores, agressores domésticos e outras pessoas que são capazes de prejudicar você. Ainda assim, se as circunstâncias devem permitir, é melhor pedir ajuda em vez de fugir. Isso porque, às vezes, as pessoas que sofreram ghosting podem segui-lo onde você não quer que eles estejam.

Mas antes de decidir realizar  ghosting contra alguém, dê um passo atrás e coloque-se no lugar da outra pessoa. Alguns de vocês podem ser auto confiantes e não se incomodarem em serem ignorados. Muitas pessoas, no entanto, tomam este comportamento como uma afronta a sua auto estima. Isso pode ser doloroso. Pode ser degradante. Acima de tudo, isso pode mudar uma pessoa - às vezes, de uma maneira ruim.

Se você é o destinatário ou instigador de ghosting, você sabe que é apenas uma ação temporária para um problema que pode voltar a assombrá-lo no futuro.

E para você que está cansada de passar por situações assim, onde parece que está tudo bem e, de repente, tudo muda ou ele some, quero te apresentar o , GUIA MÉTODO DO RESPEITO que vai te ensinar técnicas poderosíssimas para conquistar seu homem e mantê-lo junto a você.

Estou me esforçando ao máximo para ajudar a melhorar os relacionamentos das pessoas. Mas não posso fazer isso sozinha. Você gostou desse texto e te ajudou de alguma forma? Compartilhe!!! Outras pessoas podem gostar também! Esse blog se mantém através da venda de ebooks. Se você acha que vale continuar com esse trabalho, ajudando quem acessa esse espaço, Clique AQUI. Além de adquirir materiais de qualidade, você estará me ajudando a manter esse blog. Obrigada!!!!

http://www.72.mktid5.com/w/1e4ervle7cGg61ZwXe6766f2-6

http://bit.ly/secaoebooks

Compartilhe no Google Plus

Sobre Luciana Costa

Blogueira e escritora independente. Sou amante da literatura e das artes. Também amo minha liberdade, minha família, meus amigos. Gosto de aprender e gosto de ensinar.

3 comentários:

  1. Interessantíssimo esse tema, além de superatual, daqueles que a gente se depara todos os dias, mas nunca paramos para pensar sobre o assunto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente, meu amigo Márcio, é algo que tem crescido muito e não dá mais para ignorar esse problema. Há muitas pessoas sofrendo por serem rejeitadas sem nem saber porque, tanto mulheres como homens. se não alertarmos, teremos consequências muito ruins para os relacionamentos a longo prazo.

      Excluir
  2. Desconhecia esse tipo de canalhice!! Mas já que tem de tudo nesse mundo, pessoas de toda espécie!!

    ResponderExcluir

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.