10 Mitos Sobre o Casamento que as Pessoas Acreditam


O casamento é uma sentença de vida que não faz prisioneiros. Nos dias de hoje, nem sempre é muito certo o "estar juntos por toda a vida" e, às vezes, as palavras "para sempre" podem significar apenas alguns anos. Infelizmente, muitos casamentos não duram e alguns foram condenados desde o início.

Então, muitas vezes, muitos casais são atraídos para o casamento e se apressam em algo que eles não estão realmente preparados para viver. Mas, pensando bem, quem está realmente preparado para o casamento? Um casamento longo e duradouro vai além de uma cerimônia extravagante.  O que sei e aprendi é que o casamento é uma estrada longa e árdua que os casais tem de tomar. E não vejo como nenhuma surpresa que tem crescido o numero de pessoas com pavor de casamento e  que nunca vão por esse caminho.

A longa e sinuosa estrada


O casamento foi excessivamente romantizado em todas as formas de cultura. Não podemos deixar de nos emocionarmos quando vemos essas propostas românticas sendo compartilhadas em todas as mídias sociais. Não podemos deixar de chorar durante a cerimônia de casamento, especialmente quando o casal troca seus votos, prometendo amar e cuidar um do outro até que a morte os separe.

Atualmente, o casamento, como o amor, é uma coisa muito frágil. E se segurar em algo só pode trazer o risco de perdê-lo para sempre. Talvez seja por isso que o mundo está cheio de cínicos - o amor tornou-se tão fugaz. O tempo me ensinou a ser cautelosa e constantemente vigilante. O mundo, como podemos ver, pode ser cruel e nos enganar sempre.

Quando somos jovens, sonhamos em casar com a pessoa que amamos. Mas muitos aprendem, da maneira mais difícil, que fazer um casamento funcionar é preciso mais do que o amor. Precisa ter muita paciência, tolerância e trabalho duro para manter um casamento intacto ... e não são todos que nasceram para esse tipo de trabalho. [Leia também: Perguntas e Jogos para Casais]

Quando eu era jovem, eu queria casar com o homem que eu amava. Estávamos juntos há algum tempo, por isso, naturalmente, eu pensei que iria durar para sempre e, eventualmente, casar. Mas eu estava tristemente enganada. À medida que envelhecemos, percebemos que, por vezes, os melhores planos que fazemos em nossa juventude não são os melhores planos para nós. Hoje me sinto feliz porque meus planos foram dilacerados pelas circunstâncias. Era a única maneira de eu ver a realidade como ela é, não como eu queria que fosse.

Mitos sobre o casamento que não devemos acreditar


O casamento pode ser uma coisa bonita, se estiver livre dos mitos que o cercam. Na minha impulsividade jovem, acreditava nesses mitos. Como eu cresci, aprendi a separar o mito da realidade. Desaprendemos um monte de coisas, mas vale a pena.

1. Estar com alguém por um longo tempo significa que você deve se casar. Este é talvez o mito mais difícil de desaprender. Quando você está com alguém por um longo tempo, você começa a acreditar que seu investimento nele irá resultar em casamento.

No entanto, a sua aptidão para se casar não deve ser determinada por quanto tempo você está acompanhado. A qualidade de seu relacionamento e sua vontade de superar os desafios devem ser levados em conta também. Afinal, há muitos casais por aí que namoram por anos e anos antes de se casarem, só para o seu casamento terminar após um curto período de tempo. [Leia também: 13 Perguntas a Fazer Antes de Casar]

2. O casamento faz o seu relacionamento ficar melhor. É ridículo pensar que o casamento faz a vida melhor. O casamento não é algum tipo de feitiço mágico onde os seus problemas vão desaparecer em um piscar de olhos. Más atitudes, discussões, contas para pagar e o "verme roedor" da realidade simplesmente não se resolvem sozinhos.

O período de lua de mel dura pouco e antes que você perceba, o seu parceiro, com todas as peculiaridades e idiossincrasias(temperamento próprio) adoráveis, ​​acaba por ser um grande e pesado fardo. É verdade que os parceiros trazem seus ativos em um casamento, bem como as suas responsabilidades. É até você pode aceitar as coisas como elas são. Mas lembre-se que a mudança vem de dentro e que as pessoas só irão mudar se elas se permitirem.

3. O casamento fará você feliz. Vamos deixar uma coisa bem clara: uma única pessoa infeliz provavelmente fará um casamento infeliz. A felicidade é uma escolha e deve vir de dentro. Mesmo se acontecer de você se casar com alguém rico ou incrivelmente lindo de morrer, se encontrar uma nuvem escura em cada fresta de esperança, você estará caminhando para um casamento infeliz.

Lembre-se de não sobrecarregar o seu cônjuge com tantas expectativas irrealistas da pessoa que você quer que ele(ela) seja. O casamento não vai curar sua solidão ou o seu pessimismo. Tal como em tudo na vida, seu casamento é o que você faz.

4. Você não vai ficar sozinho se estiver casado. Infelizmente, este tornou-se um mito por demais familiar. Muitas pessoas solteiras tem desperdiçado esforços, ansiando por encontrar alguém que irá salvá-las de uma vida solitária. Embora seja verdade que o casamento pode dar-lhe um senso de companheirismo, isso não significa que ele irá erradicar completamente a solidão.

Muitos casais têm vivido a angústia, não de não estar só, mas de se sentir só. Muitos sentem a dor de um cônjuge distante e a dura realidade de um casamento morrendo diante de seus olhos. Infelizmente, muitas dessas pessoas insistem em ficar, porque elas já investiram muito ou têm filhos. Lembre-se: um casamento insatisfatório e morto é muito pior do que ficar sozinho.

5. Ter filhos traz segurança para o relacionamento. Tornou-se um equívoco bastante comum acreditar que ter filhos faz um casal se reaproximar. Difícil como a paternidade pode ser, ter filhos pode arruinar relacionamentos, se um ou ambos forem imaturos ou despreparados para a responsabilidade da paternidade. Ter filhos exige paciência e cuidado para que as crianças sejam criadas corretamente e isso exige uma relação harmoniosa entre o casal.

6. Discussões destroem o casamento. Esse é um equívoco persistente em que os casais que discutem a relação estão indo para o buraco. O que é verdade é que todo mundo entra em um casamento sem saber o que esperar. Não importa quão bem você se dá com seu parceiro, haverá momentos em que uma discussão será inevitável.

O perigo de casais não discutirem é que eles tendem a fazer chantagens emocionais e isso acaba por corroer o sentimento de confiança entre os dois. Casais em relacionamentos saudáveis podem ter opiniões opostas e discutirem, mas eles nunca usam de golpe baixo. Eles encontram uma maneira de resolver o conflito e perdoar uma ao outro uma vez que o conflito seja resolvido.

7. O seu cônjuge deve ser o seu melhor amigo. A verdade é que você não tem que forçar o seu cônjuge para que seja seu melhor amigo, a fim de fazer um casamento funcionar. Embora o casamento requeira um certo nível de amizade, você ainda está livre para ter um amigo de confiança que não está envolvido em seu casamento. Seu cônjuge pode ser o seu parceiro, seu amigo, seu amante, sua confidente e seu porto seguro. Mas é perfeitamente normal se você quiser compartilhar um certo nível de intimidade com alguém que você confia que não seja seu cônjuge.

8. A união faz a sua vida completa. Mais uma vez, o casamento não é algum tipo de feitiço que irá tornar sua vida maravilhosa de repente. Este é um dos mais tristes equívocos sobre o casamento, e essa idéia pode arruinar um casamento, quando a expectativa de se sentir "completo" não é cumprida. O seu cônjuge não deve completa-lo(a), por isso não o(a) sobrecarregue com expectativas irreais. No máximo, seu cônjuge deve te apoiar na sua busca para se sentir completo, mas ele não deve ser o responsável ​​por isso.

9. O sexo no casamento é chato. Muitas pessoas temem que se casar significa um fim para o bom sexo ou ter relações sexuais chatas todos os dias de suas vidas. No entanto, não é o casamento em si que é o culpado por uma vida sexual chata. Outros fatores, como ocupação com o trabalho ou ter filhos também podem entrar em jogo. Sexo, casados ​​ou não, requer alguns ajustes ao longo do tempo, para mantê-lo emocionante.

10. Ser um casal dá muito trabalho. Ele dará, mas só se você deixar. O casamento pode ser difícil às vezes, mas nem sempre é só dificuldades. Há milhões de casais lá fora que acham que é tão fácil desfrutar de uma vida de casados porque desde o início eles já sabem que, apesar dos tempos difíceis, eles estão confiantes em seu vínculo e na sua capacidade de trabalhar através das dificuldades. Quanto mais você olhar para o casamento como "trabalho", mais você vai se ressentir e menos você será capaz de apreciá-lo.


Seja qual for a imagem do casamento que você vê em filmes e na TV, ela nem sempre é verdadeira. Seu casamento é o que você faz e enquanto em alguns momentos pode ser difícil de lidar, às vezes, ser capaz de permanecer casado, e feliz, vale a pena o esforço.

[Leia também: Como conquistar o coração de um homem - O segredo revelado]

Estou me esforçando ao máximo para ajudar a melhorar os relacionamentos das pessoas. Mas não posso fazer isso sozinha. Você gostou desse texto e te ajudou de alguma forma? Compartilhe!!! Outras pessoas podem gostar também! Esse blog se mantém através da venda de ebooks. Se você acha que vale continuar com esse trabalho, ajudando quem acessa esse espaço, Clique AQUI. Além de adquirir materiais de qualidade, você estará me ajudando a manter esse blog. Obrigada!!!! 

http://www.72.mktid5.com/w/1e4ervle7cGg61ZwXe6766f2-6

http://bit.ly/secaoebooks



Compartilhe no Google Plus

Sobre Luciana Costa

Blogueira e escritora independente. Sou amante da literatura e das artes. Também amo minha liberdade, minha família, meus amigos. Gosto de aprender e gosto de ensinar.

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.