Manipulação das Massas Pela Mídia: Como a Mídia Manipula Psicologicamente

Texto muito interessante de 

"Apesar de eu ter trabalhado na academia durante anos e ter desfrutado os benefícios de ajudar mentes a aprender a expandir seus horizontes, eu tive uma preocupação torturante. Instituições de ensino tipicamente ajudam os alunos, na melhor das hipóteses, a ganhar a vida, mas eles falham miseravelmente em ensinar como viver a vida. Essas áreas pertencem ao reino da sabedoria acumulada. É claro, a sabedoria pressupõe o conhecimento, ou seja, a aplicação correta e consistente do conhecimento como verdade. Como profissional comportamental e um acadêmico, eu gostaria que as instituições ensinassem coisas práticas, tais como meios de comunicação, governo, religião e até mesmo a própria academia pode doutrinar as massas. Para efeitos, o presente artigo incidirá sobre a mídia (e um pouco sobre academia). 

Eu lembro de conversar muito com estudantes de jornalismo e ler seus livros e textos. Notei a ênfase na "informação objetiva e equilibrada." Eu sempre achei engraçado. Tendo sido um estudante que usou "métodos qualitativos de pesquisa" eu sabia muito bem como todas as pesquisas feitas por qualquer ser humano está sempre contaminada, em algum nível, com algum viés. Eu sei que alguns se sentirão ofendidos,  mas até mesmo os físicos quânticos nos dizer o mesmo. Na mídia, até mesmo um jornalista bem-intencionado, está afetando a sua mensagem de alguma forma.

Eu gostaria de me concentrar em como a mídia pode manipula as massas através da sua mensagem. Você ainda vê jornalistas reagirem assim: "Como você se atreve a me questionar!", como se pertencessem a algum sacerdócio privilegiada diretamente conectado a um fluxo divino da verdade suprema.

Esforcei-me por compartilhar apenas algumas das táticas de manipulação psicológica de controle de massa. A maioria lerá estes tópicos e terá dificuldades em reconhecer estes meios. Mas não tenho a pretensão de fornecer uma lista exaustiva.

Culpa por Associação


Tudo o que é necessário para destruir o caráter de uma pessoa pública é fazer com que essa pessoa, aberta ou veladamente, seja associada a algo que as massas rejeitarão. Não importa se é verdade ou não, simplesmente questionar ou fazer a associação já é suficiente.

Um exemplo que vem à mente é uma torção muito inteligente que eu vi sendo usado por um jornal famoso. Na época, um líder político, não muito apreciado pelos editores de um jornal, foi retratado de uma forma muito interessante. Eles colocaram um artigo e sua foto estrategicamente muito próximo a uma imagem de um palhaço de circo que fazia parte de alguma outra história. Pensei comigo mesmo: "Agora essa tática ganhou o prêmio!" Foi muito sutil e muito subconsciente na abordagem. A mensagem definitiva foi: "Esta pessoa é um palhaço, portanto, ria dele e considere-o não acreditável, como você faria com um palhaço."

Outra forma muito comum de usar essa mesma tática é conectar, mesmo que seja através de um estratagema complicado, a pessoa a alguma coisa que viole a lei, seja em algo obscuro, com uma pessoa, por uma organização ou ação. Mesmo que isso não seja verdade, isso vai deixar uma nuvem escura de dúvida na mente da pessoa que recebe a informação. É por isso que a calúnia é tão eficaz na destruição de inimigos. A mídia nunca vai sair e admitir que eles fazem isso. Eles não são responsáveis ​​perante alguém, muito parecido com algum tipo de deus imaculado e narcisista.

Apenas um Pouco de Veneno


A próxima forma a mídia tenta manipular mentes é através do que é chamado de verossimilhança. Agora é um bocado real. Isso significa que algo é "muito similar" a outra coisa. Neste caso, é a mistura de um pouco de veneno ou uma mentira misturada com a verdade. É possível ingerir em seu  corpo vários alimentos saudáveis. Mas se você simplesmente misturar uma pequena quantidade de um extremamente poderoso veneno com os alimentos, você estaria morto em pouco tempo. Se graduar a quantidade de veneno em doses menores, podemos levar um longo tempo, em um ritmo muito mais lento, mas obter os mesmos resultados ... a sua morte.

O que todos os meios de comunicação fazem, a fim de destruir uma pessoa, é administrar lentamente mentiras (veneno) sobre essa pessoa misturado com coisas boas. Eventualmente, eles destroem seus inimigos e ainda vêm olhar o trabalho feito, como meninos de um coro; limpos e reluzentes.

Seja Engraçado


Eu já mencionei como um líder político foi induzido a ser visto como um palhaço. Lembro-me de um influente líder caracterizado pela mídia como um bufão, idiota, uma pessoa burra. Eu ainda posso ver as charges políticas com desenhos dele fazendo-o parecer como um macaco humano. Normalmente, os macacos são engraçados e não fazem mal. Essa mensagem pegou.

Ao longo do texto, fotos que mostram o lado ruim de uma pessoa - e toda a gente os tem - são usadas ​​para retratar os inimigos como estúpidos e/ou tolos psicóticos. Às vezes você pode ver esta abordagem quando uma publicação deliberadamente usa uma foto de uma pessoa no seu pior ângulo. Os editores escolhem as fotos que fazem a pessoa mostrar o seu pior lado. Em contraste, quando as suas pessoas favoritas são colocados na mesma página, elas são mostrados na postura de um herói, mostrando a melhor aparência. Coincidência? Absolutamente não!

Faça Sanduíches


Uma ótima técnica para ajudar a construir a auto estima das pessoas, enquanto as corrige, é chamada de "técnica do sanduíche". Esta abordagem é incrível, porque ela usa o reforço positivo do indivíduo antes e depois dele ter compartilhado uma área difícil em que precisa mudar. Isto assegura que você ainda gosta dele e que você o respeita. Faz a sua fácil mensagem ser aceita por todos. 

Quando você toma a mesma técnica e muda de posição, colocando algo de positivo em entre dois pedaços negativos de informação, torna-se bastante destrutivo. Nos meios de comunicação, você pode sair procurando um objetivo e, enquanto está "passando", se você usar esta técnica, ainda pode destruir o seu inimigo. É uma das abordagens mais comumente utilizadas pelos meios de comunicação, no artigo após o artigo referente às pessoas que não gostam. Observe isso: tudo o que você realmente precisa para atingir seu adversário é fazer uma notícia fragmentada sobre ele. Você inicia e fecha a noticia com a negatividade e dúvida. Isso deixa uma nuvem negra sobre seu caráter. Você recebe um passe livre e ainda tem que ser muito sórdido. Isto é como ser um moleque valentão da escola que fica olhando o crime à distância e achar que foi bom.

O Empilhamento dos Experts


Você já reparou que na TV, um grupo de intelectuais, jornalistas, etc., são escolhidos com cuidado, onde se está em desproporção, mas ainda parece equilibrado? Às vezes é escandalosamente flagrante e outras vezes é mais discreto. Vamos dizer que não gostamos  de uma posição, mas não podemos dizer, com medo de parecermos preconceituosos. Podemos selecionar a maioria de nossos especialistas que vai concordar conosco. Então nós trazemos apenas uma pessoa que representa o lado que não gostamos. Nós descarregamos os cães pitbulls nessa pessoa e durante todo o tempo nós agimos como se estivesse "equilibrado".

Ridícularize e Rotule


Muitas vezes me divirto com os adjetivos interessantes utilizados por um proponente de um lado contra o outro. Ouvimos palavras como "racista", "nazista", "?-fóbico", "reacionário", "antiquado", "irrelevante", "assassino", e muito mais. Ao aplicar esses rótulos em uma pessoa, o que acontece é que você congela, isola e polariza essa pessoa. Você faz com que olhem para ela como se fizesse parte de algo perigoso, assustador e insano. Este processo é conhecido na história como "assassinato de caráter". Neste caso, isso acontece no fórum público em plena exibição. Você já reparou que, se o mesmo é aplicado aos meios de comunicação, é considerado blasfêmia? Quem faz a prestação de contas de mídia? Ninguém. Eles são livres para destruir qualquer um que eles escolherem. É por isso que eles secretamente temem a internet. Os índices podem ser ligados a eles por algum rapaz atrás de uma tela.

A Repetição Torna Verdadeiro


Incessante repetição de uma mentira é registrada como verdade na mente das massas. Histeria em massa pode ser criada por meio de relatórios que falam repetidamente dos perigos de alguns micróbios que infestam os seres humanos e transformar o mundo em tons de pânico. Alguns dos tiranos mais bem sucedidos da história usaram da grande emoção e repetição em seu proveito. Joseph Goebbels, ministro da propaganda de Adolf Hitler disse que se "Você repetindo uma mentira muitas vezes, torna-se a verdade." Isso nos leva ao próximo ponto.

Faça o Diabo ser Visto como Deus e Deus Como o Diabo


O próprio Hitler disse: "Com o uso hábil e sustentado de propaganda, pode-se fazer um povo ver, mesmo o céu como o inferno ou uma vida extremamente miserável como o paraíso". Nesta técnica, o atacante se mostra como um benfeitor e salvador. Ele distorce os lados. Alguma vez você já se perguntou por que a mídia adora narcisicamente se ver como os protetores e os detentores da verdade? Quase tem conotações de doutrinação religiosa, não é mesmo? Na literatura religiosa clássica nos é dito que o diabo engana e se disfarça em anjo de luz. Eu chamo isso, caracteristicamente, de a inversão dos polos, fazendo olhar o preto como branco e vice-versa.

Conclusão


Não tenho a pretensão de ter coberto todos os aspectos da arte do engano, usada nos meios de comunicação. Estas são tão antigas quanto o próprio homem. Eu simplesmente tentei fornecer algumas das formas típicas mais óbvios de fraude usadas ​​para manipular psicologicamente as massas. O que podemos aprender com isso? Talvez a maior lição pode ser que não devemos ser ingênuos. [Veja também: Aprendendo a Interpretar Expressões Corporais e Faciais]

Devemos nos manter acordados e conscientes. Devemos estar com fome da verdade, onde quer que esteja. Devemos protegê-la e defendê-la. Precisamos ter cuidado para evitar chegar a conclusões precipitadas só porque os "especialistas" dizem. Trata-se, muito, de uma jornada individual. É uma grande missão, mas cheio de campos minados. Tenham cuidado e guarde-se."

Estou me esforçando ao máximo para ajudar a melhorar os relacionamentos das pessoas. Mas não posso fazer isso sozinha. Você gostou desse texto e te ajudou de alguma forma? Compartilhe!!! Outras pessoas podem gostar também! Esse blog se mantém através da venda de ebooks. Se você acha que vale continuar com esse trabalho, ajudando quem acessa esse espaço, Clique AQUI. Além de adquirir materiais de qualidade, você estará me ajudando a manter esse blog. Obrigada!!!!

http://www.72.mktid5.com/w/1e4ervle7cGg61ZwXe6766f2-6

http://bit.ly/secaoebooks

Compartilhe no Google Plus

Sobre Luciana Costa

Blogueira e escritora independente. Sou amante da literatura e das artes. Também amo minha liberdade, minha família, meus amigos. Gosto de aprender e gosto de ensinar.

2 comentários:

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.