"Eu Não Sei o que Fazer com a Minha Vida"

Você já se ouviu dizendo: "Eu não sei o que fazer com a minha vida"? Eu estive lá, e eu sei que é um sentimento terrível. Descubra como você pode erguer-se e seguir em frente.

A vida tem sentimentos estranhos. Às vezes, estamos felizes e outras vezes nos encontramos falando: "eu não sei o que fazer com a minha vida".

Deixe-me ajudá-lo a compreender sua vida melhor, através dos meus olhos.

Nós, seres humanos fomos dotados com cérebros e ideias mas, às vezes, eu me pergunto se todos nós estaríamos em melhor situação se fôssemos mais ignorantes, como um gato de estimação que se diverte todo o dia ou algum animal selvagem na floresta.

É claro que a vida não é fácil, mesmo para os animais. Mas a ignorância é felicidade.

E parece muito mais simples sermos apenas nômades, se preocupar com nada, apenas em buscar alimento, procurar um lugar para dormir e alguém com quem dormir. Não seria isso tão bom e simples?!

Na maioria das vezes, nós simplesmente não sabemos o que fazer. Estamos perdidos, sem noção e completamente apagados. Mas seguir em frente na vida é mais fácil se você se der uma chance.

"Eu não sei o que fazer com a minha vida".


Você tem se encontrado acordado à noite e dizendo a si mesmo que você não sabe o que fazer, pensando em todos os anos em que perdeu oportunidades sem perceber? Eu faço. Tenho certeza de que o pensamento voa através de sua mente de vez em quando.

Noites e noites incontáveis, o sono chega cada vez mais tarde e ficamos com a mesma sensação de vazio no peito quando estamos sozinhos. "Eu não sei o que fazer com a minha vida. Para onde vou? Estou fazendo a coisa certa? Por que a minha vida é difícil? Por que os outros conseguem as coisas mais fácil?"

Normalmente eu dormiria bem e mal posso ficar acordada na cama por mais de alguns minutos, se eu estou querendo dormir um pouco. Mas, antes de eu fechar os olhos à noite, eu me pergunto se o meu dia valeu a pena. Eu me pergunto se eu tenho trabalhado duro o suficiente para merecer uma boa noite de sono. Mesmo quando eu trabalho 18 horas, a minha resposta continua a ser a mesma.

Não. Eu não mereço dormir em paz. Porque eu ainda tenho muito mais a fazer. Sim, muitos mais sonhos e aspirações, desejos e inúmeras esperanças. As mesmas coisas que eu estou agarrando como palha ao vento, na esperança de que elas não sejam varridas para o esquecimento.

Como faço para saber o que fazer com a minha vida?


Atores e diretores ficam ansiosos para ganhar um Oscar e se sentirem satisfeitos por terem se destacado em seu trabalho e, da mesma forma, os pesquisadores e literários. Eles podem receber diferentes prêmios. Mas, na minha vida, eu ainda não ganhei nenhum premio ou recompensa. Então não sou boa o suficiente? Ou eu só não fui reconhecida? Ou significa que eu não sei o que fazer com a minha vida? Como ser bem sucedido na vida?

Eu sei que eu me destaquei na minha área quando eu faço a diferença, quando o mundo me vê, não como uma pessoa ociosa, perdida em sua mente, mas como uma pensadora e um sonhadora.

A maioria das pessoas acham que a palavra "sonhador" é um insulto, mas eu acho que é um elogio. Ninguém jamais fez o seu caminho através do mundo sem um sonho. O mundo real é um lugar úmido escuro e seu sonho é a única luz que leva você mais longe. E a paixão é o combustível para seus sonhos!

Perdi a minha paixão muitas vezes na minha vida e às vezes, eu paguei o preço. Mas minha paixão volta para mim todas as noites, quando eu penso sobre a minha vida e quando eu olho para as estrelas.

Eu adoro olhar para as estrelas, porque em algum lugar na escuridão, meu sonho brilha, assim como aquela estrela. O céu é tão grande, que parece ter o espaço e o vazio para transportar todos os meus fardos e preocupações. Eu olho para a minha estrela favorita, todas as noites, e eu percebo que eu ainda posso ver o meu sonho, mesmo que seja a um milhão de quilômetros de distância.

Perdido em sonhos e não sabe o que fazer


Você se sente da mesma maneira? Quando você se deita à noite e pensa em tudo que fez, você sente que chegou onde você queria? Mais importante, você está feliz sendo você?

Estas são apenas algumas perguntas que ninguém pode responder para você, nem você pode dizer a sua resposta a qualquer outra pessoa. Você não seria capaz de tirá-la em palavras e os outros não entenderiam isso mesmo que você tente dizer-lhes.

Seguindo em frente, quando você não sabe o que fazer


Quando você está perdido e não sabe o que fazer com sua vida, tudo bem se quiser dar um passo atrás e se
sentar. Tire um tempo para fazer a si mesmo algumas perguntas. E, realmente, passar um tempo perguntando essas questões secretas que você sempre negligenciou.

Se pudesse escolher, o que você prefere fazer?

Por que você perdeu?

A vida é injusta?

Você está disposto a se esforçar mais?

O que fazer com a minha vida - Seguir em frente ou um passo atrás


Estas são algumas perguntas que irão revelar o mundo ao qual você pertence. Você se sente perdido e se sente como se não soubesse o que fazer apenas quando está desamparado.

É como se estivesse em uma floresta e um tigre te perseguisse para o precipício. O que fazer? Você está desamparado e perdido. Você tem duas opções: Pode ficar de joelhos e esperar que o tigre te coma. Ou pode tentar lutar ou correr. Agora eu não estou dizendo que com certeza você vai ganhar, mas tudo que eu estou dizendo é que, mesmo quando você perdeu toda a esperança, apenas por alguns segundos loucos, você estará disposto a dar tudo o que tem e tentar algo.

Os seres humanos têm forças ocultas inacreditáveis ​​quando a mente percebe a necessidade. Incidentes comprovados mostram que um homem pode levantar um carro de duas toneladas com as próprias mãos para salvar seu filho preso embaixo do carro e inúmeros outros casos. Você tem o poder para seguir em frente e, definitivamente, tem também a paixão louca e a determinação para fazer alguma coisa na vida. Mas para que tudo aconteça, você tem que acreditar. Você tem que acreditar que pode mudar seu mundo para sempre.

Quando você não sabe o que fazer - Ouça a voz do seu coração


Se você pudesse escolher qualquer profissão no mundo inteiro, qualquer designação, sem amarras, onde você se vê? Pense sobre isso, pondere e perca tempo com as mesmas palavras. Elas vão mudar a sua vida.

Sim, eu pensei sobre isso também.

Eu me perguntava o que eu realmente quero fazer, se eu pudesse ser qualquer coisa que eu queria ser. Eu pensei muito e eu poderia ter apenas uma resposta em minha mente. Eu queria ser uma escritora, uma oradora e uma pessoa que quer ser lembrada como uma pensadora. Eu tinha feito a coisa certa, eu ouvia a voz no meu coração. A viagem pode ser difícil, mas o seu sonho ajuda a absorver a dor de todos os espinhos e as rochas pontiagudas em seu caminho.

Eu ainda estou no meu caminho, ainda me perguntando sobre as montanhas imensas e gigantes que me ameaçam de todos os lados. Eu tenho medo de olhar muito à frente, para o caso de ficar sobrecarregada com uma falsa sensação de segurança, caso eu veja uma miragem. Há muitos pensamentos perturbadores na minha cabeça Eu contemplo sobre os diferentes caminhos para o meu destino, especialmente com tantos obstáculos no meu caminho, mas então eu me lembro da voz no meu coração. Eu confio nela com toda minha vontade. Eu mesmo vou avançar.

Não sei o que fazer com a minha vida


Então, o que você preferiria estar fazendo agora? Você está ouvindo a voz do seu coração? Aquele pensamento pode mudar seu mundo. Não pare de pensar nisso, até ouvir uma voz firme em seu coração. E quando você ouvi-la, siga cada palavra que diz.

Não é fácil ouvir essa voz indescritível, mas quando você se deitar na cama, tarde da noite e prestar atenção, você ouvirá. Essa voz pode consolá-lo, tranquilizá-lo, ajudá-lo a tomar decisões e dar-lhe coragem. Já ouviu falar da frase, "pensar sobre o seu sono"? Para a maioria das pessoas, isso significa descansar um pouco e pensar sobre isso quando a mente está fresca mas, um verdadeiro pensador, estará ouvindo a voz do coração.

Não desista quando você não sabe o que fazer


Todos nós nos perdemos na vida, em algum momento ou outro. Mas isso não é o fim do mundo. Você está sem dinheiro? Você está perdido na vida? Você está deprimido porque não está recebendo o que deseja? Você está estressado porque a vida não está sendo como você esperava que fosse?

Bem, meu(minha) querido(a) amigo(a), olhe ao seu redor. Esta é a vida e ela continua seguindo em frente. Lembra dos dias em que você era uma criança e pensava que as tarefas e paixões da escola eram os maiores problemas do mundo? Você passou por isso, não é?

Não se lembra de dizer a si mesmo "Eu não sei o que fazer com a minha vida", naquela época? Mas olhe para si, você seguiu em frente. Quando a vida lhe der limões, você pode fazer uma limonada. Ou pode ter algo melhor para fazer com limões. Mas pelo amor de Deus, faça alguma coisa com esses limões!

A vida é confusa às vezes e você não tem como saber o seu futuro. Mas, quando você se ouvir dizendo: "Eu não sei o que fazer com a minha vida", lembre-se da voz em seu coração e dê o próximo passo. E leia aqui sobre o que fazer quando você está perdido na vida e quer seguir em frente rumo a um futuro melhor.

Estou me esforçando ao máximo para ajudar a melhorar os relacionamentos das pessoas. Mas não posso fazer isso sozinha. Você gostou desse texto e te ajudou de alguma forma? Compartilhe!!! Outras pessoas podem gostar também! Esse blog se mantém através da venda de ebooks. Se você acha que vale continuar com esse trabalho, ajudando quem acessa esse espaço, Clique AQUI. Além de adquirir materiais de qualidade, você estará me ajudando a manter esse blog. Obrigada!!!!

http://www.72.mktid5.com/w/1e4ervle7cGg61ZwXe6766f2-6

http://bit.ly/secaoebooks


Compartilhe no Google Plus

Sobre Luciana Costa

Blogueira e escritora independente. Sou amante da literatura e das artes. Também amo minha liberdade, minha família, meus amigos. Gosto de aprender e gosto de ensinar.

44 comentários:

  1. Acho q o meu não sei o q fazer da minha vida é muito pior do q o seu relato RS. VC tinha o sonho de ser escritora e parece que é, eu não tenho sonho nenhum. Objetivo nenhum. Busco por ajuda e sempre q parece q vou ouvir algo q possa me ajudar está muito além do q aquilo q possa me ajudar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro, aqui vai a opinião de alguém que vive uma situação parecidíssima:
      Escolha qualquer coisa pra fazer como ganho de vida; se tiver algo com o qual você se identifique pelo menos um pouco, melhor. Se não houver, pegue uma profissão simples mesmo ou prepare-se em algum curso e siga em frente naquilo que escolheu.
      Não espere se decidir, porque poderá ser tempo demais.
      No meio do caminho se aparecer algo novo e você quiser, mude e pegue a oportunidade.
      Não fique parado à espera. Faça qualquer coisa para te trazer meio de vida. E simplesmente, vai levando. Toda profissão é importante.
      Se tiver medo, saiba que isto é normal e todo mundo tem. A diferença é que alguns param diante do medo e outros vão com medo mesmo. No mais seja no que for que trabalhe, com a prática, um dia será mais natural pra você.
      Ah e não perca a chance de se divertir junto com outras pessoas. Assim vai poder perceber que você é importante de outras formas pros outros, também. Não é só trabalho e dinheiro que importa.
      Relaxe e simplesmente vá em frente. Leve a vida naturalmente, só isto.
      E saiba, só de estar no mundo, você já faz a diferença pra muita gente, mesmo que não pareça.
      Espero ter ajudado.
      Um grande abraço!

      Excluir
  2. Riccardo, todos nós, em algum momento de nossas vidas, passamos por essa fase de completo branco, como se não houvesse nada dentro de nós. Mas não perca as esperanças, nenhuma fase ruim dura para sempre e certamente a sua fase também vai passar e você vai descobrir sua vocação e uma direção a tomar. Só não desista.

    ResponderExcluir
  3. N sei o que faço da minha vida estou com muitos problemas,tem horas que tenho vontade de desistir de tudo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Francisca, não desista. Todos nós passamos por momentos em que não sabemos o que fazer, mas se você não desistir, encontrará as respostas que precisa. Se quiser conversar, pode entrar em contato comigo pelo chat do blog ou na fãpage do blog no Facebook. Pode também add o perfil do Blog também no Facebook: https://www.facebook.com/blogoraculodalu

      Excluir
  4. Ei,Eu também faço parte da turma. Eu simplesmente não sei o que fazer. Não porque eu não sou boa em nada. Mas porquê não encontro algo que me deixe satisfeita.Se eu faço algo,eu sinto que não quero mais fazer,então,faço outra coisa.E da outra coisa eu vou pra outra.
    Não estou falando de profissão. Digo, eu só quero e preciso está feliz, e por mais que eu tente, nada me satifaz. Se eu escrevo,eu quero cantar.Se eu canto,eu prefiro dançar(E eu nem sei dançar). Se danço,acho que é melhor desenhar. Se eu desenho, eu decido atuar. Se atuo,eu deixo pra lá e vou cantar. Então o ciclo se repete. É só um exemplo, porém um bom exemplo do que acontece comigo. E você que escreveu o texto,não têm noção do quão ridículo é pra mim escrever aqui.Mas o que seria da vida sem os seus "importantes" comentários.
    Por isso deixo aqui um comentário que espero que seja,como todos os demais, respondido.Mas não por qualquer pessoa.Quero ter a honra de ser respondida pela pessoa que está lendo isso por detrás da telinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, anônima, tudo bem? Eu tb já passei por essa fase de que não sabia o que queria fazer, começava uma coisa e parava, ia pra outra. Mas depois eu parei para pensar e vi que não adianta querer fazer tudo e não fazer bem feito, é melhor fazer uma coisa e fazer ela bem feita. Por isso, sempre que inicio um projeto, eu busco dar o meu melhor e manter o foco no objetivo. Vc precisa se questionar por que quer fazer determinado trabalho ou tarefa e qual objetivo. Depois focar e fazer tudo para alcançar esse objetivo. Não podemos ser bons em tudo, mas podemos ser os melhores em algumas coisas, quando nos propomos e nos comprometemos. Escolha, mantenha o foco e faça o seu melhor. Um grande abraço!

      Excluir
    2. Resumidamente, eu encaro a vida como uma viagem que eu farei com apenas uma mochila... o que é mais essencial dentro da mochila? As vezes colocamos muitas coisas dentro dela que não tem valor e deixamos outras com muito valor para trás... Depois que aprendi isso, estou buscando à cada dia tirar coisas não essenciais para essa caminhada e, que somente trarão um "peso" desnecessário. Um conselho bem prático foi dito por um homem muito sábio que: "Buscai em primeiro lugar o reino dos céus e a sua justiça; e as demais coisas sempre nos serão acrescentadas"...

      Excluir
  5. Olá me chamo Luiz N, estava pensando exatamente em o que fazer de minha vida!!? e pensei em procurar no Google, pois as vezes tenho um sentimento que parece que sou único a té-los, e de certa forma é bom saber que mais pessoas passam ou passarão por isso!! sinal que sou problemático, mas quem não é?? rsss gostei como vc aborda o assunto, vou tentar me ouvir um pouco mais, mas assim como a Francisca Maria, já estive perto de encerrar tudo!!
    Me sinto a pessoa mais só do mundo, e algum momentos chego a pensar que alguém muito influente em um outro plano ou simplesmente o mundo me odeia.
    Fico feliz por vc ter se encontrado, que Deus te ilumine...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Luiz! Sei como se sente, todos nós passamos por momentos assim. Mas não desista, você é uma pessoa especial, simplesmente porque é unico. Com certeza você vai conseguir se encontrar como pessoa, qual sua vocação e como você é importante para muita gente. Você não está só, lembre-se disso!

      Um grande abraço!

      Excluir
  6. Olá, meu nome é Vitória e eu amei o texto, bom tenho 17 anos conclui o ensino médio a pouco tempo, e estou completamente perdida em questão "o que fazer da minha vida" em relação a profissão, faculdade etc. O que eu me imagino cursando é medicina veterinaria é um sonho de infancia, mas de uns tempos para cá acabei deixando meio de lado por conta de varias pessoas falandl que não é a minha cara fazer isso, ou que não da muito dinheiro etc... Optei então fazer Adm pois como eu trabalho atualmente nessa area achei mais conveniente cursar isto, mesmo não sendo o que eu amo fazer, na realidade quando perguntam o que eu quero ser da vida, eu não sei responder porque eu não tenho certeza do que quero, mas a maioria das minhas escolhas estão voltadas para os animais, mas não sei eu realmente não sei, não quero viver em vão, quero que minha vida tenha algum sentido, e não apenas passar o rest da minha vida trabalhando em escritório. Queria uma palavra amiga nesta situação, pois esta fase acredito que seja a pior parte, é muito ruim não saber o que quer, hoje parei para pensar e estou nervosa com tudo isso, este ano era para mim entrar em uma faculdade mas por conta dessa situação vou perder um ano da minha vida sem fazer nada. Preciso de ajuda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Vitória, tudo bem? Não fique ansiosa, você tem apenas 17 anos e não precisa necessariamente fazer faculdade esse ano só porque tem gente que acha que tem que ser assim. Nessa idade realmente é uma grande responsabilidade escolher uma profissão para "a vida toda", quando se não tem muita experiência de vida.

      E você não vai perder um ano por isso. Eu, por exemplo, não fiz nenhuma faculdade ainda, tenho formação técnica em informática, tenho curso de relações humanas, sempre fui apaixonada por psicologia desde a sua idade e decidi fazer um blog sobre essa minha paixão e ajudar outras pessoas passando conteúdo sobre o assunto. Se eu vou fazer faculdade? Provavelmente sim, mas não está nos meus planos agora.

      Mas quanto a você, aproveite esse ano para fazer cursos, pesquisar sobre as profissões, conhecer pessoas que trabalhem na área que você escolher. Agora, vou te dar um conselho: nunca faça nada visando dinheiro, se você não gosta de fazer. Porque vai passar a vida toda com dinheiro e frustrada, fazendo algo às vezes até mal feito, simplesmente porque não tem prazer nisso. Se você fizer o que gosta, não terá um trabalho, terá um modo de vida. Escolha o que gosta e sabe fazer, o dinheiro será consequência.

      Outra coisa: não existe essa de que essa ou aquela profissão não é "a sua cara". Onde já se viu isso? Se todo mundo pensasse assim, o que seria do teatro, do cinema e da televisão? Tem atores ali que você se pergunta como eles conseguiram estar ali e ainda fazer sucesso, mesmo não sendo o padrão de beleza da moda. Mas estão ali e atuam muito bem.

      E quem disse que veterinária não dá dinheiro? (As pessoas tem uma visão muito limitada das coisas e acha que todo mundo tem que pensar igual). Você já viu que, dentro da veterinária, existem várias vertentes? Você pode abrir uma clinica, pode abrir uma clinica com petshop que está muito em alta, você pode ser veterinária de animais de grande porte, como cavalos ou trabalhar em fazendas de criação de gado. Há varias especializações e se você gosta mesmo disso, é seu sonho, corre atrás, não liga para o que os outros dizem. Mostre que eles estavam errados e que você será uma veterinária de sucesso. É uma profissão tão bonita...não deixe que as pessoas decidam por você pois, no fim das contas, não serão elas que trabalharão em seu lugar.

      Aproveite esse ano para se preparar para entrar na faculdade ano que vem e, enquanto isso, pesquise mais sobre veterinária, visite clinicas, converse com profissionais, pesquise na internet e assim você terá certeza do que quer. E não tenha medo de errar, não pense que perdeu tempo pois tudo para nós serve de aprendizado, até quando falhamos, podemos tirar uma lição. Nada é por acaso.

      Se acalme, não fique nervosa, viva um dia de cada vez e você verá que as coisas vão se encaixando no seu devido tempo e você conseguirá vencer, no final. Mesmo, porque, você já nasceu com nome de vencedora...rsrsrs ;)

      Se desejar, pode conversar comigo direto no facebook, só entrar na fãpage e deixar uma mensagem inbox.

      Um grande abraço.

      Excluir
  7. igualmente a todos aqui estou nesta época de branco nao tenho a minima ideia do que fazer,vou começar a fazer cursinho sem mesmo saber oque quero cursar na faculdade, e os dias passam e me questiono o porque que nao sou igual meus amigos que tem todos os seus sonhos, lembro que quando era mais novo tinha muitos sonhos mas passou os anos e deixei eles de lado, fazia curso de ingles mas nao levava a serio abandonei, começei violao tambem larguei,é algo estranho porque meus pais sempre falaram "tem que estudar" mas mesmo assim eu nunca levei nada a serio isto me corroi aos poucos, pensar que o tempo passa rapido como em 2015 nao fiz nada passou tao rapido.

    ResponderExcluir
  8. E aí...rsss... eu também!!! Vitória não faça ADM eu formei em ADM e isso me custa muito pois sempre precisamos ter uma empresa para trabalhar e se você fizer medicina veterinária ou Direito, você será independente para sempre, ou seja, basta você abrir uma porta colocar uma placa e pronto ganhara seu dinheiro e nós da ADM não, pois precisamos de empresas para isso e essas empresas são ingratas não pensam duas vezes em nos demitir. Entao foi isso que aconteceu comigo fui demitido. Depois de 16 anos de serviços prestados para um banco. Agora estou buscando outra empresa, mas não tem a vaga, mas acredito que vai surgir, porem fica aquele sentimento de que ninguém me quer...rsss... isso é chato, procurar emprego é chato, mas o que eu gosto de fazer é ADM então vou sofrer mesmo. E ai como nossa amiga Luciana disse... um dia de cada vez. Ou tenha uma idéia brilhante e abra sua própria empresa... mas qual idéia??? não sai nada da minha cachola. Um abraço e o importante é nunca desistir e render-se jamais. Talvez nunca mais volte a ler este blog pois como nosso outro amigo disse joguei no google e achei esta pagina.. então se alguém quiser me escrever algo....carlosdalton2000@gmail.com.....força pessoal e força eu!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carlos, obrigada pelo seu comentário. Você está certo, administração é para quem tem vocação, assim como veterinária e qualquer outra profissão. Você sabe do seu talento e potencial. Estamos passando por uma crise sem precedentes, mas acredite em você e conseguirá aquela ideia que precisa. Fases dificeis nos ajudam a moldar nosso caráter e nossa capacidade de superação. E, já que você tem experiencia na sua área, que tal ser um empreendedor? Pesquise mais sobre isso, tenho certeza que encontrará uma ótima ideia para desenvolver seu talento. Um grande abraço.

      Excluir
  9. ola luciana,e quando se esta assim quando se tem 40 anos??comecei varias faculdades,nao terminei nehuma(apesar de gostar de estudar o que gosto),penso em comecar a estudar para concursos,mas alem da guera q é o universo dos concursos,nao sei se concursos é a minha praia,gostaria de empreender tb,mas nao sei se eh minha praia,e agora estou desesperado e perdido mesmo,estou desmpregado,completamene duro,minha mae estacm principio de cancer,estoy correndo cm ela em medicos,nao posso trabalhar momentaneamente por causa disso tb,alem do mercado q se fecha para pessoas de 40 anos,mas alem de tds estes problemas,fico pensando o dia todo no que fazer e principalmente no que quero fazer,muito confuso...muito confuso..grande abraco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Rick, eu imagino como se sente. Tb tenho quase 40 e sei como é dificil o mercado de trabalho pra quem está nessa idade. A minha solução foi a internet, meu blog e meus ebooks. O que você gosta de fazer? Será que você não pode passar seus conhecimentos através de um blog, ser um consultor online? Quem sabe a solução não está mais perto do que você imagina? Desejo que sua mãe supere essa doença e que você encontre seu caminho.

      Excluir
  10. Olá, tenho 28 anos atualmente e me sinto perdida como se estivesse nadando pra lugar nenhum, não sei no que eu sou boa. Pois se alguem tiver disponibilidade e bondade pra me ensinar eu aprendo, não tenho sonhos futuro possou muitos desejos mais sinto que fracassei na vida...a rotina me deixa entediada quando arrumo emprego o que reflete no meu desempenho e acabo insatisfeita ai ou peço demissão ou sou demitida. Não sei o que fazer qual caminho seguir estou cursando faculdade de rh, porém o mercado é injusto quando se busca estágio e logo mais irei me formar e ate agora nada de estágio porque as empresa tem a cara de pau de exigir experiencia pra uma vaga de estágio(acho isso um absurdo) ridículo uma empresa exigir isso, estou desanimada.Obrigada pela atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Todos nós passamos por essa fase, parece que nada dá certo e que não estamos indo para algum lugar. Mas não desista, uma hora você vai descobrir o que quer. Faça uma lista de coisas que você gosta ou gostaria de fazer e veja quais são suas condições de realizar ao menos uma delas, mas se comprometa de ir até o fim. Trace metas e objetivos e procure os meios para realiza-los. Faça cursos, procure conhecer gente nova, isso ajuda a mudar nossa perspectiva. Espero que você consiga alcançar seus objetivos.

      Excluir
  11. Olá, estou adorando tudo no seu blog, principalmente o modo como você aborda os assuntos, parabéns!
    Então vamos ao meu problema rs tenho 21 anos, moro sozinha e não me sobra nada de dinheiro e nem de tempo para poder "viver". Não consigo me desestressar mais, não tenho tempo e nem dinheiro pra poder viajar ou fazer algo que me deixe parar de pensar nos problemas que tenho, algum lazer, coisas simples como ir num barzinho tomar uma cervejinha com as amigas. Não sei o que gostaria de fazer da minha vida, só sei que gostaria de trabalhar em casa, para ter um pouco mais de tempo para mim, mas também não acho nada que gostaria e me sairia bem fazendo em casa. É meio complicado rs Pensei em criar um blog e quem sabe mais pra frente ter uma renda dele. Gostaria de saber se você vive bem com o seu blog (Exemplo: da pra pagar suas contas e sobrar algo para guardar para o futuro ou fazer algo para lazer e essas coisas) ou você também trabalha com outras coisas além dos e-books e blog. Essa é minha maior dúvida, acho que é um incentivo nisso que preciso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Vc é muito nova para já viver estressada assim, rsrsrs. Dá para tirar um dinheiro no blog sim, mas como não sou muito famosa, ainda não dá para tirar milhões, mas dá para viver e também vendo outras coisas online, como bijouterias, por exemplo. Quiser, posso te dar umas dicas e até uma ajuda nessa parte. Só me procurar na página do Oráculo no Facebook ou pelo email oraculodalu@gamil.com.

      Excluir
  12. Olá, Lu,

    Parabéns pelo seu blog. Faço engenharia elétrica na UFCG e tenho 21 anos. Há um ano eu parei de sentir amor pelo o que eu estudo. Sempre fui uma boa aluna, achava que algumas medalhas na cabeceira da minha cama no meu ensino médio mostravam minha capacidade para enfrentar a vida. Não podia estar mais enganada. Estou totalmente sem perspectiva de futuro. Sei que poderia terminar o curso, achar um emprego, mas e aí? Todas essas noites sem sono e sensação de ônus em quase todos os aspectos da minha vida estão me consumindo a cada dia, nenhum trabalho tem me passado a sensação de recompensa. A pior parte de ter 20 e algos é a falta de perspectiva para o futuro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol, não desista. A recompensa está no fim do caminho.

      Excluir
  13. Oi Lu! Estou totalmente infeliz com minha escolha universitaria, não sei se é a fculdade, mas não me sinto estimulada e feliz com o meu curso. Não tenho vontade de estudar, não tenho vontade de ir para as aulas e os objetivos pelos quais me inscrevi neste curso sumirão completamente. Entrei na universidade muito nova, não sabia ao certo com o que queria trabalhar, na realidade não sei até agora, já quis mudar duas vezes deste curso, mas não sei para o que mudar, sinto me insegura e angustiada por não saber o que quero fazer ou do que gosto. Já fiz varios testes, conversei com varias pessoas, mas elas não ajudam muito, pois no final sempre falam que a decisão é minha e me aconselham a continuar assim mesmo que seja infeliz. Porem não quero isso. É como se eu estivesse pressa em um labirinto ou em uma teia de aranha. Obrigaa por ouvir o meu desabafo. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem? Envie uma mensagem inbox para o facebook do Oráculo, podemos conversar por lá. Quem sabe não achamos uma solução para seu problema. Infeliz assim vc não pode continuar.

      Excluir
  14. Nossa Luciana, primeiramente parabéns pelo texto! Assim como outros, acabei buscando no Google alguma orientação ou palavra de conforto, até mesmo de sugestão do quê, fazer da vida quando estamos tanto em dúvida! Eu sempre, minha vida toda, fui indecisa. As vezes paro e fico pensando, onde foi que eu errei? Como nunca consegui me decidir exatamente sobre o que eu quero, o que busco para mim? Olho ao meu redor e vejo tantos amigos, conhecidos, ex colegas seguindo a vida ( me refiro agora a questão profissional), evoluindo, se desenvolvendo..e eu aqui, estagnada..com uma formação superior concluída, trabalhando em outra área..gosto do que faço mas sei que não tenho muito como crescer..meus superiores não reconhecem meu trabalho..nossa. Muitas coisas eu gostaria de mudar..gosto de muitas coisas mas o problema é, começo e nunca termino pois no meio do caminho desisto..desmotivo...não sei como pode..me frustro muito sempre..me sinto mal. Sou uma pessoa super alegre, positiva, tento fazer o bem sempre..tenho uma família estruturada e tal..mas simplesmente não me encontro. Me preocupo pois os anos vão passando..a idade avaçando também e por mais que pensamos em aproveitar e viver o hoje, o ''amanhã'' logo será o ''hoje'', e aí? Penso nas questões de ter uma vida encaminhada, uma independência..pois quem saberá o que o futuro nos reserva né? Hoje felizmente tenho meus pais, família, mas e quem sabe daqui a 15..20..25 anos? Nossa..peno nisso dia e noite..não sei o que fazer..as vezes dá realmente vontade de desistir..

    ResponderExcluir
  15. Olá Luciana.

    Meu nome é Hudson,tenho 17 anos e ainda estou no ensino médio.Hoje eu estava usando celular e comecei a pensar que minha vida é uma droga!
    Eu particularmente tenho uma rotina diária de acordar fazer exercícios , ir para escola e nada mais.
    Não saio de casa para fazer nada.Fico preso em quatro paredes,não converso com os meus colegas e até familiares.
    Minha mãe é solteira,tem quatro filhos.Embora ela sempre deseje o melhor de nós,eu não gosto de ela ser a típica dona de casa.Sem opiniões,trabalha e faz as coisas em casa,se tiver algum problema entre os filhos que envolve diálogo? deixa alguém qualicado para fazer, um homem ,irmão mais velho ou um psicólogo.
    Mas mesmo assim é minha mãezinha e quero fazer ela se orgulhar de mim,mas mesmo assim não sei como!
    Realmente não aproveitei minha juventude.tentei de várias formas academia,futebol,desenho...,mas mesmo assim desisti de todos.
    Fico nesta rotina diária,e conforme a idade passa mais a vida vai exigir de mim.
    Na minha aula recente de filosofia aprendi o famoso mito da caverna.Que mencionava que as pessoas de dentro acorrentadas, estavam iludidas em aceitar que as imagens refletidas no fundo era o mundo real,mas um dos prisioneiros saiu de suas correntes e correu para fora e descobriu que a realidade estava além daquele lugar escuro cercado por rochas.
    Quando li isso em seguida chorei.percebi que estava fazendo nada na minha vida.Eu queria ser aquele cara que se libertou das correntes.
    Por impulso,pesquisei no Google e li o seu blog.Imaginar em que gostaria de estar fazendo agora? Tocar piano,por incrível que pareça ouvir as músicas de piano me acalmam e me inspiram.Em um dia pensei porque eu mesmo não reproduzo e crio as minhas músicas?Deve ser uma experiência incrível fazer isso!Mas devido ao aumento de impostos e eu eu morar em uma cidade satélite me impedem de realizar este sonho.
    Por conta disso voltei a essa rotina maldita,no qual sempre estarei dependente e sem nenhum caminho para trilhar.É triste e frustante.

    ResponderExcluir
  16. Como a maioria, estou perdida. Penso em fazer confeitaria. Sou boa com doces, mas tenho medo de me expor para vender. Sou insegura. Aos 25 anos e depois de desistir de 2 faculdades, a confeitaria ainda é a única coisa que eu gosto um pouco. Não sei lidar com minha insegurança e, mesmo tendo uma idéia do que fazer, não me sinto Boa o suficiente para ganhar a vida com isso ou qualquer coisa. Se eu pudesse passaria os dias viajando e curtindo uma vida de paz e sem cobranças.

    ResponderExcluir
  17. Gostei do seu post, esse texto me ajudou bastante! Tenho um problema nao sei como proceder. Tive depressão no período do ensino médio e não me importei tanto com os estudos,eu ia pra escola e sempre fui inteligente, mas fiquei um tempao sem estudar, sem me importar, então quando eu fiz o enem passei na faculdade mas só q tive dificuldades (bem melhor da depressão, n digo curada pq tive que superar muitas coisas ainda), nas matérias principalmente que envolviam cálculo, e me senti muito mal com isso, as pessoas me olhando como se eu fosse muito lenta, mas eu n sou só não sei, pode parecer idiotisse pq a única coisa q eu tinha q fazer é ou era estudar, e eu faço isso, mas não ta sendo tao fácil, é como se eu tivesse perdido a capacidade de assimilacao rapida e sempre que estudo demoro para compreender. Isso me deixa muito mal, queria saber se VC sabe se tem alguma coisa que eu posso fazer pra recuperar minha capacidade de antes, voltar a ser como eu era, ou melhorar de qualquer forma. Obrigada!

    ResponderExcluir
  18. Tentar descrever como me sinto em palavras é difícil. É como se fosse solidão batendo na minha porta todos os dias, medos, dificuldades, uma escuridão na palavra ''sonhar''. Quando penso que estou no caminho certo, quando penso que finalmente tenho um desejo, um sonho e um rumo a ser seguido, acabo me deparando com minha própria desistência, sim, não consigo continuar em nada, é como se eu fosse deslocado da realidade, como se eu estivesse neste mundo apenas para nascer e morrer e nada mais. Chego a comparar-me quando vejo uma criança cantando na televisão e dizendo '' meu sonho é ser cantor(a)'' e então penso, uma criança, tão nova, mas que já tem seu sonho definido e que já está buscando seu sonho e fico pensando o que me faz ser tão diferente, o que me faz não sonhar, não enxergar minhas próprias qualidades e aplica-las para então planejar um sonho. Poderia dizer variáveis formas de como é sentir isso, de ter que escutar dos meus pais apenas cobranças e não apoio, de escutar eles me taxando de vários nomes, de estarem me colocando mais para baixo. Já pensei em desistir de tudo, já cheguei ao ponto mais próximo disso, mas não desisti, parte disso é não querer trazer sofrimento as pessoas que amo. Meu sonho é ter um sonho! :)

    ResponderExcluir
  19. Olá Lú, Soi Alcides e tenho 52 anos de idade. Estou desempregado fez 3 anos, e já fiz de tudo para poder me sobreviver, pintei quadros, serviços de pedreiro, pintei casa e outras coisas que se relaciona a serviço. Nunca me desviei para as coisas eradas da vida. Tenho um filho de 3 anos e sou separado da mãe do meu filho. Moro em Cabo de Santo Agostinho - PE e ele mora com a mãe em Conde- PB. Já enviei vários curriculum, desse período que fiquei desempregado pra cá. Sei que minha dificuldade ou o meu mundo perdido não é a mãe de meu filho. Sinto muita falta dele sim, mais quando eu tenho condições em pegar em um dinheiro vou ver tranquilamente. Meu mundo perdido está sendo, não sei se é essa falta de emprego, morando na casa de minhas irmãs. As veze chego a ser passado na cara determinadas coisa. Como por exemplo, quem não trabalha não come. Iso é horível, pois não estou desempregado porque quero. E sim pelo sistema de nosso país. Ninguém em casa está mais falando com migo, fico horas e mais horas no meu quarto. Queria conversar muito com alguém que possa conversar com migo, pois estou com muito medo que aconteça algo muito pior com migo. Tipo, me viciar no álcool, ou que Deus me livre de drogas. Mais estou muito perdido na minha vida. Muito obrigado

    ResponderExcluir
  20. Me sinto pesado, sem conseguir saí do chão. Não tenho para onde ir, a casa em q vive minha família, é onde vivo também, mas me sinto mal por estar aqui, pareço não ter amor, já tentei fugi, fracassei, fico parado a vida toda como se nada se passasse na minha mente, aprisionado, sem sensação, sem rumo, sem uma decisão sem saber o q me aguarda, só frio; triste, inconsolado, sem algo q me encha, tendo a certeza q só a morte vai me libertar.

    ResponderExcluir
  21. Olá Luciana tenho 22 anos, é ainda não sei o quero ser da vida, estou muito infeliz por não ter achado o sentido pra minha vida, minha auto estima esta lá em baixo, e pra completar minha mãe que eu amo muito, vive falando pra mim q eu não sei de nada q eu não vou vencer nessa vida, hoje atualmente faço faculdade de recursos humanos estava feliz q no final desde ano vou terminar, mais vem o meu namorado e fala q o meu curso não vale de nada. Quando ouvir isso acabou meu mundo, aí fui pensar meu Deus Perdir meu tempo fazendo um q não vai valer em nada, fui pela cabeça dele, e agora estou eu aqui sem rumo sem sonhos sem objetivo, sem ânimo pra nada.estou me sentindo muito sozinha e principalmente muito infeliz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem? Em primeiro lugar, não dê ouvidos a pessoas que só te colocam pra baixo. Em segundo, cerque-se de pessoas que te apoiem. Tem certeza que quer ter um relacionamento com uma pessoa que não valoriza sua profissão? Quem disse que recursos humanos não vale nada? Muitas empresas depende desse profissional. Então acredite no que escolheu e faça o melhor. Se quiser conversar, pode me procurar na página do Oráculo no facebook.

      Excluir
  22. Olá Luciana, parabéns pelo seu blog e sua iniciativa.
    Como muitos aqui eu tb entrei no google a procura de um texto ou uma palavra de conforto e acabei parando aqui no seu Blog. Os relatos acima me são muito familiares, pois me identifico com vários, em ser reconhecido no trabalho, eu tenho 43 anos e muitos deles vividos em busca de reconhecimento, felicidade, amor, etc... já me frustei de várias formas que vc possa imaginar, as vezes acho que seria mais fácil ser e viver "ignorante" do que adquirir muitos conhecimentos durante a vida e não saber o que fazer com eles. Eu me sinto uma pessoa capaz sim, porém Deus me meu muitos DONS e isso acredite me atrapalhou e muito na vida pois nunca consegui terminar nada que comecei ou quase nada, com muito sofrimento e me arrastando consegui terminar o Ensino Superior, mais passo longe de estar feliz e satisfeito com isso. Já mudei de cidade, de estilo, de vida, de amizades de parceiro, enfim e nada vai pra frente, no trabalho sempre crio expectativas e vislumbro algo melhor e na maioria das vezes nada acontece ai ou eu peço demissão ou sou demitido pois acredito que nesse momento a melhor solução é fugir disso tudo, a empresa em que eu consegui ficar mais tempo foram 3 anos, pois assim como um amigo acima fazer ADM e RH ( coisas que eu fiz) não me deram a chance de ser dono do meu próprio nariz e de mim, pois dependo do outro me pagar e não me demitir para eu tentar ter algo. Hoje estou sozinho ( apesar de ter um companheiro) mais moramos em cidades diferentes por conta de trabalho, as vezes penso que não nasci para amar pois simplesmente eu enjoo de tudo e de todos, e por vezes enjoo até de mim. Como disse acima nasci com vários dons, fui muito bem no esporte, dança, em finanças, tenho uma memória e capacidade de raciocínio que por vezes as pessoas se surpreendem comigo, mais não consigo canalizar em nada. Não estou feliz com que faço, estou trabalhando em RH há 10 anos e de verdade nesse período acho que trabalhei em umas 30 empresas diferentes e nenhuma delas me fez bem, pelo contrário, me fizerem infelizes, me tornei uma pessoa confusa, desanimada, frustrada, sem vontade de amar, de ser amado, vivo apenas para sobreviver, não tenho lazer, não tenho mais amigos pois me mudei de cidade e ainda não me adaptei, ainda bem que amo televisão e isso me distrai, porém preciso de um rumo, de um norte sabe, amo o mundo da beleza, no sentido de Concursos de Beleza, amo esportes no geral, já pensei em fazer um Curso de Massoterapia ou Maquiagem, e ao mesmo tempo uma PÓS em Gestão de Pessoas para seguir na minha área, ou até mesmo Enfermagem ( por ser uma pessoa muito solidária e em ter prazer em ajudar o próximo), voltar a dançar, fazer curso de teatro, sei lá, mais dinheiro nunca sobra, agora mesmo estou mais duro do que pedra e as vezes a vida perde o sentido, penso em voltar para minha cidade para ficar na minha zona de conforto, mais ao mesmo tempo se eu voltar vou sentir que estou andando para trás sabe, tipo um fracassado mesmo, quero muito ainda vencer e ser alguém na vida, estou com 43 e sonho em conseguir alcançar meu Sucesso com 50 e morrer bem sucedido aos 90, mais o problema é, como fazer isso? por onde começar? o que ou quem procurar? tudo pergunta sem resposta....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Edy, tudo bem? Já que vc tem tantos dons e facilidade de aprender, que tal focar em apenas uma coisa. Liste as coisas que você gosta de fazer e pese na balança as vantagens e desvantagens. Isso pode te ajudar a escolher uma coisa só e só focar nela, buscando a excelencia. Se quiser conversar, só enviar uma mensagem inbox na página do Oráculo no face.

      Excluir
  23. Eu sou a Amanda, tenho 21 anos
    Bom, eu não sei o que fazer da minha vida, na verdade não sei realmente no que sou boa! sei fazer muitas coisas e aprendo com facilidade mesmo com explicação ou só observando. Eu digo que aprendo rápido e acabo me questionando quanto ai isso (é meio louco). tenho um sentimento tão louco que não consigo me livrar e muito menos saber o que é. Eu sinto que estou parada no tempo, não me apego em nada e também sinto que estou me acabando por saber que estou parada no tempo e não consigo fazer nada. Me olho no espelho e vejo que estou muito diferente (não gosto do que vejo) me sinto mal, mas não consigo sair disto.
    Eu sempre tive medo e sempre falei pra mim mesma: " EU QUERO SER ALGUÉM, EU NÃO QUERO ME TORNAR NINGUÉM " mas, estou aqui sem ser ninguém. Sou rodeada de amor, compreensão e respeito a única coisa que sei fazer é ficar parada no tempo me cobrando e não saindo do lugar.
    Eu não falo pras pessoas a minha volta o que sinto ou o que penso a respeito de mim mesma, eu sempre sou muito sorridente, feliz, espontânea, boa conselheira e não consigo me desvendar, não consigo me ajudar.
    Eu quero muito alcançar o sucesso, me apaixonar por algo que eu tenha prazer em fazer todos os dias de minha vida, mas não consigo viver essa vontade por não saber por onde começar, onde tentar, como fazer para conseguir e ser aquilo que sempre quis ser que no momento não sei.

    Eu me sinto muito bem quando escrevo e essa é a primeira vez faço em uma rede social, me sinto bem por um tempo depois de descarregar em letras os sentimentos e as confusões internas.

    Então, desde já eu agradeço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amanda, tudo bem? Você é nova e tem uma vide inteira de descobertas pelas frente, por isso, não se cobre tanto. Você pode ser uma empreendedora, pode criar seu proprio negocio e, já que gosta de escrever, pode usar isso como profissão, como eu. Se quiser conversar mais sobre isso, pode me procurar na página do Oráculo no facebook. Quem sabe, trocando ideias, você não se descobre?

      Excluir
  24. não me ajudou muito pois cada um tem um problema diferente , dái eu pergunto: quando estamos perdido individado doente e sem empre que é meu caso qual passo a dar????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Bel. todo mundo passa por momentos dificeis que não duram para sempre. Também passei por isso e não desisti. Se quiser conversar comigo, envie uma mensagem para o facebook do Oráculo. Lá poderemos conversar melhor.

      Excluir
  25. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  26. Qual seria seu conselho Luciana?

    ResponderExcluir

Gostou do Texto? Deixe um comentário!
Obs: todos os comentários são moderados antes de serem liberados e exibidos no blog. Comentários anônimos são aceitos, palavrões e insultos, não. Se desejar comentar anonimamente, assine com um pseudônimo.